Dominatrix

5 Dicas de Como Ser Uma Dominatrix e Apimentar o Sexo

Quando você pensa em uma dominatrix, você pensa em uma mulher assustadora vestida de couro preto com chicotes e correntes, que vai bater muito e castigar o parceiro, certo? Supere essa ideia.

Em um mundo onde há tanta pressão para que os homens estejam sempre no controle e da mesma forma sejam sempre masculinos e poderosos, não é difícil entender porque a fantasia de uma dominatrix funciona tão bem para apimentar o sexo. Algumas pessoas precisam de uma pausa de si mesmas. Para o homem, é bem-vinda esta mudança de permitir que a mulher esteja no comando, de ser a agressora. Perder o controle pode ser muito excitante.

Aqui vão algumas dicas básicas de sedução do mais alto nível de dominatrix.

1. Estilo

Não se preocupe – você não precisa gastar um monte de dinheiro em uma fantasia de gata em látex para criar um visual dominatrix. Lembre-se que os homens são seres visuais e procure criar um guarda roupa que enfatize confiança e mistério enquanto ainda mantém sua feminilidade. Você provavelmente tem roupas em casa que poderão ser usadas, tais como uma minissaia preta ou uma saia lápis, meia-calça preta, salto agulha ou botas pretas com cano alto.

Você deve estar percebendo que preto é a cor principal no guarda roupa da dominatrix. Se você for capaz de incorporar um cinto ou luvas de couro vai ser melhor ainda. Se você sabe que seu parceiro é um cara que curte pernas, use isso em sua vantagem e vista algo bem justo que mostre-as. Deixe o vestido floral de verão em casa e interprete a imagem da “garota má com classe”. Independente do que você escolher vestir, tem que ser sexy e poderoso.

2. Personalidade

A vestimenta é realmente uma preocupação secundária e você deve usá-la como uma ferramenta para fechar o conjunto, não como um instrumento de atração. A coisa que faz de uma dominatrix ser dominatrix é a sua atitude dominante.

Um equívoco comum é de que a senhora dominante é uma vadia mandona e assustadora. Isso não precisa ser assim e provavelmente você pode espantar a sua vítima se você pegar pesado. É tudo uma questão de confiança.

3. Use as palavras

Quando se está na masmorra, o que você diz  e como diz determinam o tipo de dominadora que você é. Isso é o que as dominatrix chamam de “verbal”. O mesmo pode ser dito sobre o mundo dos encontros e como você quer aparecer para um “garoto brinquedo” em potencial.

Falar muito alto e xingar vai comprometer sua posição de poder e deve ser evitado. Ao invés disso, varie o tom e o volume. Algumas vezes sussurrar no ouvido dele é muito eficaz para trazer um cara para sua teia. Aprender a como falar da maneira correta é sempre a lição mais difícil, mas tudo resume-se em dizer o que você quer e saber como conseguir isso. Nunca subestime o poder da sugestão.

Faça uma pesquisa e descubra se seu homem tem algum interesse sexual específico ou fantasia. Então, divirta-se usando suas habilidades verbais e brincando com a cabeça dele enquanto o provoca com seus próprios desejos: “Se você for um bom garoto, provavelmente depois eu farei…”.

4. Sensualidade é crime

No geral, a sensualidade é a arte de provocar. Isso envolve os sentidos dele e te dá os meios pelos quais você pode criar a tensão sexual. Colocar as cartas na mesa e se tornar disponível demais vai acabar com a dança da sedução. Mantenha o suspense mudando sua postura. Chegar sendo fortemente sexual e no próximo momento agir de maneira elusiva – eles nunca saberão o que pensar e isso vai intrigá-los.

Já que a dominatrix nunca faz sexo enquanto está em sessão com seu escravo, tudo é sobre a provocação e sobre como usar sua sensualidade para estimular todos os 5 sentidos dele. O que ele vê? Cheira? Quando ele pode tocar? Que gosto ele sente? Ele pode ficar frustrado com o tormento, mas é melhor do que ver que ele ficou entediado porque você já que entregou todos os seus segredos.

5. Imaginação

A imaginação é o aspecto mais importante da sedução, caso você queira apimentar o sexo dominando seu parceiro. Se você vai ficar no controle atrás de portas fechadas, depende de você como as coisas acontecem. Não esqueça isso. É hora de pensar fora da caixa. Lembre-se de sempre começar as coisas suavemente e ir trabalhando um caminho para brincadeiras mais intensas.

Talvez você possa começar usando suas habilidades verbais enquanto sussurra e diz todas as coisas safadas que quer fazer com ele. Então vagarosamente aumente a temperatura e tenha um pouco mais de contato físico. Talvez você possa usar a gravata dele para prender seus braços atrás das costas, enquanto você tira sua roupa e mostra seu sutiã preto sexy, calcinha e cinta-liga. Mas não mostre tudo de uma vez: uma dominatrix sempre mantém seus garotos querendo mais.
[sc:poderosa-na-cama-depois-artigo]

O que fez despertar em você a vontade de realizar a fantasia de dominatrix com o seu parceiro? Vocês já tiveram alguma experiência parecida? Comente abaixo!

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (8 votos, média: 4,13 de 5)
Loading...

6 Comentários

  1. Adoro dominar, sou da baixada santista e encontrei homens que adoram ser submissos…foi assim que percebi o quanto sinto prazer em estar no comando.
    Interessados me enviem email [email protected]

  2. Adoro mulheres dominadoras, com todas as características, bota, couro, algemas, venda e mordaça. Mas como descubro que a pessoa que encontrei é de fato uma dominadora? Isso, sem assustar.

  3. Olá!! olha adoro tudo que for relacionado a fetiches,pois sou casada e meu marido adora ouvir eu relatar relaçoes sexuais passadas no seu ouvido e com isso ele chega a gozar cinco a seis vezes em uma unica tranza adoro rs…

  4. Nossa
    Adorei essa história de dominatrix, quando eu comecei a namorar não tinha nenhuma experiência em sexo, e com o tempo ele me disse que gostava de ser dominado e eu não tinha nem ideia de como fazer, agr sendo a dominatrix tudo mudou

  5. Sempre sai com homens que gostam de ter o domínio da situação. Tenho tesao em ser xingada, puxem meu cabelo. Sai com uma pessoa quando pedia para me xingar ele dizia “gostosa”, eu não enche a boca para falar e me chama de puta. Percebia que ele ficava sem jeito, até que perguntei o que ele gostava e para minha surpresa ele gosta de ser dominado, e.achei um máximo e comecei a buscar informações sobre como proceder na cama pq se é para brincar que seja bem feito. Tô me amando de Dominatrix.

  6. Interessante a dica sobre as roupas… Legal saber que com o que tenho dentro de casa eu posso realizar essa fantasia. Estou querendo há muito tempo conversar com o meu marido sobre isso, espero que ele tope!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *