Mulher se masturbando

6 Técnicas Super Efetivas de Masturbação que Toda Mulher Deve Saber

Ah, a masturbação! É uma atividade aparentemente simples, mas complexa. É algo que muitas de nós querem desfrutar e descobrir melhor, mas têm apreensão ou ansiedade em relação a isso.

Mas a masturbação não precisa ser essa coisa que deixa você muito ansiosa, ou que parece muito complicada. Na verdade, ela deve ser tão gratificante e relaxante quanto a meditação ou a yoga – sim, ela pode ser um dos seus melhores momentos sozinha!

E temos boas notícias para todas nós: existem certas estratégias que podem ajudar você a atingir todo o seu potencial total de masturbação.

É claro que essas diretrizes podem variar um pouco de mulher para mulher (uma vez que cada uma de nós tem diferenças em nosso corpo, e principalmente na nossa região vaginal), mas separamos aqui algumas das técnicas de masturbação mais eficazes e gerais que poderão servir para a grande maioria das mulheres, para ajudar você a chegar onde você realmente quer chegar… Um ótimo orgasmo.

1. Nunca se canse de conhecer sua anatomia cada vez mais

Você consegue localizar o seu clitóris rapidamente? Conhecer sua anatomia a ajudará entender e apreciar o que você tem de melhor e o que você mais gosta em relação aos seus principais pontos de prazer.

Kristie Overstreet, sexóloga clínica e psicoterapeuta, diz que olhar para um desenho ou modelo do clitóris pode ajudar (e você pode fazer isso com uma simples pesquisa na internet). Dessa maneira, “Todas as partes serão rotuladas em um desenho para que você possa ver a glande do clitóris. Esse auxílio visual pode ajudar você a explorar onde ele está localizado e a se conhecer e se divertir mais”.

Não tenha medo de pegar um espelho de mão e dar uma olhada também. Por que não se conhecer melhor e facilitar o caminho?

2. Descubra o que funciona para você

Este não é um tipo de lista em que todo mundo deve seguir algumas dicas à risca para obter sucesso, e isso acontece, é claro, porque cada uma de nós é diferente em relação ao formato do nosso corpo, da nossa vagina e podemos gostar de várias coisas diferentes no que diz respeito ao toque e ao sexo em geral.

Para ter experiências de masturbação verdadeiramente arrebatadoras, você precisa não apenas saber como é a anatomia da sua região vaginal, mas também o que funciona melhor para você. Acredite ou não, há mais maneiras de tocar um clitóris do que com o contato direto de alta pressão, ou seja, experimente diferentes toques, experimente coisas que não sejam apenas suas mãos, brinque com o que acha que seria interessante ao toque, experimente toques mais leves, mais rápidos, mais devagar, experimente e descubra o que funciona para você.

3. Inicie localizando o clitóris manualmente

Não faz ideia de como fazer isso? Veja uma boa maneira de como começar: Deite-se e garanta que você tenha privacidade para não ser interrompida, então pegue sua mão e explore a área.

Comece no topo da vulva, que é a área mais próxima e onde você pode sentir uma estrutura macia e mole que alguns chamam de “botão”, que está localizada no “topo” dos lábios. Essa é a glande do clitóris e a única área visível, mesmo que seja apenas um quarto do tamanho total (isso mesmo: três quartos do clitóris estão escondidos dentro do seu corpo!).

A glande é importante, diz Overstreet, porque a maioria das mulheres requer estimulação nessa área para atingir o orgasmo.

Depois de saber onde está o clitóris, teste diferentes pressões e velocidades. Se o contato direto for demais, tente colocar os lábios sobre o clitóris (deixando a vagina um pouco mais fechada) ou simplesmente faça movimentos circulares no clitóris com os dedos. Fique calma, e não se apavore, você está aprendendo e se conhecendo melhor, então apenas encontre o que funciona para você. Cada corpo é diferente.

4. Escolha um brinquedinho

Um bom vibrador é algo que toda mulher deveria ter em mãos, e é um presente de amor para você. Se você nunca usou brinquedos antes, isso mudará seu mundo. Se você é uma aficionada por brinquedos, mas sua coleção tem decepcionando você nos últimos tempos, não se preocupe. Isso acontece com todas nós.

Se você está nervosa e um pouco insegura em comprar um brinquedo ou se não sabe onde comprá-lo, faça uma pequena pesquisa pela região onde você mora (ou longe dela, se preferir) e vá dar uma olhada nas lojas, você vai encontrar muitas e todas vão contar com atendentes muito gentis, então não há motivo para ficar nervosa.

Uma vez em uma loja, você vai perceber que há uma variedade de vibradores que são objetivamente adoráveis ​​e nada assustadores. Caso prefira, dê uma olhada em lojas online, pesquise bastante e descubra o que seria mais interessante para você. Você pode comprar sem sair de casa!

A sexóloga Kristie Overstreet ainda aponta, porém, que os vibradores não são a única coisa que você pode usar durante a masturbação: “Você pode experimentar um vibrador ou um travesseiro, ou uma bolinha de algodão úmida para um toque macio, ou qualquer objeto que seja bom para você. Não existem limites, e afinal, você está sozinha para fazer isso, certo? Tocar ou esfregar a área com algum objeto causa estimulação direta, então permita-se explorar diferentes objetos.”

5. Explore o ponto G

O clitóris é fabuloso, mas às vezes você pode querer algo mais. Felizmente, há cerca de um trilhão de maneiras pelas quais você pode se divertir: ponto para nossa região vaginal!

Você pode escolher o ponto G, por exemplo, e pode encontrá-lo localizado a cerca de dois dedos dentro da vagina na parede anterior, que é o lado mais próximo ao seu estômago, diz Overstreet.

Depois de localizar o ponto G, você pode usar um estimulador de ponto G ou os dedos para estimulá-lo, e dessa maneira você faz com que o clitóris seja envolvido na brincadeira ao mesmo tempo. Uma ferramenta útil para conseguir fazer isso? Um brinquedo ou vibrador que possa estimular os dois pontos ao mesmo tempo!

Porém, é importante ter em mente que o ponto G não é uma zona erógena para todas as mulheres. Pode parecer incrível tocá-lo, e talvez possa não ser exatamente assim, podendo até ser algo um pouco incômodo.

6. Não foque somente no orgasmo

Se você está tendo problemas de orgasmo durante a masturbação, é difícil não sentir que algo está errado com você. Isso deveria ser fácil, certo? Bem, na verdade não. Muitas mulheres são incapazes de gozar durante a masturbação.

As mulheres podem ter ansiedade em relação ao seu desempenho, mesmo quando estão sozinhas. Colocar pressão em si mesma para atingir o orgasmo só o tornará mais elusivo (o que, é claro, só o deixa você mais ansiosa por estar ansiosa, e o ciclo continua).

A solução? Overstreet sugere “passar um tempo sozinha” ininterrupto, sem final definido. “Comece relaxando e preparando-se mentalmente para a experiência. Certifique-se de separar esse tempo só para você, para que você não esteja com nenhuma pressa ou com outras coisas na cabeça.

Concentre-se no momento e no prazer que você está experimentando”, diz ela. “Se sua mente começar a pensar em sua lista de coisas a fazer, concentre-se em uma ideia ou imagem agradável que excite você, e assim você poderá voltar sua mente para o momento.”

E aqui está uma coisa que nem todas as mulheres sabem: você não precisa, obrigatoriamente, ter um orgasmo! Você pode se masturbar e simplesmente aproveitar a experiência, curtir o prazer e o momento sem chegar lá. Faça como devemos fazer em relação a tudo na nossa vida: não se concentre no objetivo, concentre-se na jornada, e quando você fizer isso, você provavelmente irá acabar chegando ao orgasmo com maior frequência. Então relaxe!

Dê a si mesma permissão para se divertir. E lembre-se de que isso não precisa ser uma experiência de alto risco, mas que a masturbação é sobre conectar-se e desfrutar do seu corpo da melhor maneira possível. Vá em frente, aproveite e divirta-se!

Você tem costume de se masturbar com frequência quando está sozinha? Se não, tem curiosidade de experimentar isso? Comente abaixo!

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (2 votos, média: 5,00 de 5)
Loading...


Deixe uma resposta

Seu email não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados *

*