Aplicativo de namoro

12 Dicas sobre Encontros de Pessoas que Conheceram seus Parceiros em um Aplicativo

Todas nós podemos concordar que o amor moderno não é mais o que costumava ser. Ficaram para trás os dias em que as pessoas se casavam com os amigos de infância da rua, ou da escola na época do ensino médio ou ainda da faculdade, com alguém do trabalho ou com um amigo da família.

Durante a última década, a internet mudou a forma como procuramos e como encontramos o amor. Na verdade, de acordo com uma pesquisa do “Pew Research Center”, 15% dos adultos norte-americanos usaram sites ou aplicativos de namoro online.

Os sites e aplicativos de namoro aumentaram tanto nossas potenciais opções de parceiros que tem se tornado mais difícil entender como a lógica dos aplicativos funciona, principalmente se você não é dessa atual geração onde tudo acontece muito rápido e é muito mais líquido.

Para ajudar você a encarar essa “loucura” do mundo do namoro online, conversamos com pessoas reais que tiveram histórias de amor digitais bem-sucedidas.

Aqui, você encontrará as melhores dicas sobre como se posicionar nessa nova maneira de encontrar novos parceiros, conhecer pessoas e se relacionar.

1. Deixe de lado as expectativas

“Deixe de lado as expectativas. Eu costumava pensar que eu tinha uma ideia de por quem eu queria me apaixonar, como eu queria me apaixonar e quando eu queria me apaixonar. Eu estava errada. O cara por quem me apaixonei foi totalmente inesperado. Ele era diferente de qualquer cara que eu já conheci ou que tinha imaginado antes, e foi aí que eu percebi que ele era totalmente perfeito. Nunca pensei em conhecer meu namorado no Tinder, e eu estava muito perto de desistir do nosso primeiro encontro, porque pensei que ele não era o meu tipo. No fim, fiquei muito feliz por ter decidido ir e ter descoberto que na verdade ele era totalmente meu tipo. Conheci um cara engraçado, encantador, motivado e que tem um grande coração. Eu o conheci por um aplicativo há dois anos, e tenho sido incrivelmente feliz desde então.” – Carla.

2. Tente uma aproximação diferente

“Muitas pessoas não estão procurando relacionamentos sérios nessas aplicativos. Se você está procurando conhecer alguém legal, uma interação real, talvez remover o álcool da situação seja algo realmente importante, porque assim você pode conhecer uma pessoa e quem ela realmente é. Se ela não é capaz de manter uma conversa legal com você sem álcool, então, como seria possível manter uma relação sustentável com essa pessoa? Se você quer conhecer alguém, chame-a para tomar um café e, antes disso, tente conversar com ela por telefone. É fácil conseguir fingir quando você está em um aplicativo de mensagens, já que nele você tem tempo para respondê-las, mas se você está realmente falando com alguém e se essa pessoa não está agindo da maneira que você esperava, ou se ela não está sendo sincera, você será capaz de perceber isso muito mais facilmente e ver se essa pessoa é para você ou não.” – Francisco.

3. Abra seus critérios de pesquisa

“O meu conselho seria estar ligada no seu aplicativo de namoro com frequência. O sucesso do namoro online é realmente um jogo de números, semelhante a quando estamos procurando um emprego e fazendo uma boa pesquisa sobre isso: quantos currículos você envia e quantas entrevistas estão de acordo com o que você queria antes de encontrar o emprego certo? Com um aplicativo de namoro pode ser bem parecido.

Mas não se desanime, a próxima pessoa que você encontrar pode realmente ser a certa! Abra seus critérios de pesquisa, às vezes você precisa pensar fora da caixa. Por exemplo, se você mora num bairro longe de uma pessoa que tem interesse, isso não precisa necessariamente ser um empecilho. Além disso, no meu caso eu acabei encontrando um companheiro perfeito para mim, mas que esteva divorciado e que tinha filhos. Em um primeiro momento, isso fugia totalmente do que procurava, mas acabou acontecendo e vi que ele era perfeito para mim. Antes, eu pensava que não daria certo com pessoas que tinham experiências de vida muito diferentes da minha, mas na verdade, abrir um pouco meus critérios e ser uma pessoa mais receptiva era exatamente o que eu precisava, e estou muito feliz por ter feito isso e por ter encontrado alguém realmente bom para mim.” – Raíra.

4. Qualidade ao invés de quantidade

“Qualidade acima de quantidade. Todos os aplicativos e sites de hoje em dia são sobre você ter muitos matchs e conhecer muitas pessoas, ter muitas opções. É deslizar para a direita, deslizar para a esquerda, mas com esse tipo de sistema você não está realmente avaliando se essa pessoa é ideal para você. Então, em vez de deslizar para dar match com 20 homens ou mulheres, deslize 10 em uma noite, mas realmente se concentre em o que suas fotos de perfil e o que eles escrevem em seu perfil significam para você. Se você realmente prestar atenção ao perfil de cada pessoa, você será muito mais capaz de saber se é uma boa ideia dar uma chance a ela ou não. Eu sempre tentei fazer meu perfil representar exatamente quem eu era… tanto a parte boa quanto a parte ruim. Eu acho que quando você cria um perfil de namoro, você deve mostrar todos os lados de si mesmo. Se a pessoa do outro lado responde, então há uma chance melhor de que eles realmente sejam uma combinação em potencial.” – Daniel.

5. Dê segundas chances

“Dê a cada primeiro encontro uma segunda chance. O meu primeiro encontro com o Bernardo foi incômodo e não pensei que tivéssemos química alguma, mas provavelmente foi porque não tivemos uma oportunidade genuína de despertar o interesse do outro. Quando as pessoas se encontram no trabalho, através de amigos comuns, ou mesmo em um bar, há uma oportunidade para que um pouco de química e empatia se desenvolva antes que essas pessoas decidam sair uma com a outra. Se encontrar depois de falar apenas por alguns minutos em um aplicativo provavelmente vai ser um pouco estranho no início. Eu dei ao Bernardo uma segunda chance porque ele era bonito, realizado e realmente parecia um cara legal. Achei que não ia doer se fizesse isso, e acontece que vamos nos casar na próxima semana, então estou muito agradecida por ter feito isso. Nós realmente não poderíamos ser uma combinação melhor.” – Clarice.

6. Seja sincera e verdadeira

“O maior conselho que tenho para dar é que os aplicativos de namoro são projetados apenas para você chegar ao primeiro encontro, e o resto é com você. Por isso, fotos enganosas ou um trabalho falso podem levar você ao primeiro encontro, mas a verdade será descoberta em muito pouco tempo, e você estará desperdiçando uma chance com uma pessoa nova. Por isso, seja sempre sincera e verdadeira como gostaria que as pessoas fossem com você.” – Tadeu.

7. Não tenha pressa

“Eu era uma pessoa com tendência a ser um pouco mais impulsiva do que era necessário, principalmente quando o assunto era os aplicativos de namoro. Eu nem tenho certeza de por que isso aconteceu, mas cerca de três dias haviam se passado desde que dei um match no Tinder com meu atual parceiro e nenhuma mensagem havia sido trocada. Graças a uma pequena coragem e depois de um cutucão de amigos, dei o primeiro passo, mas mesmo depois disso, eu e meu parceiro realmente esperamos o tempo necessário para estabelecermos ao menos uma boa amizade antes de nos conhecermos pessoalmente. Funcionou muito bem para nós dois, e nós sabíamos, depois de um mês trocando mensagens, que realmente combinávamos, apesar de não termos certeza de até que ponto. Acabou que estamos em um relacionamento duradouro desde então.” – Marcela.

8. Comece com uma conversa boba, mas não fique só nela

“Há cerca de oito meses, eu dei match com a Catarina, uma mulher muito bonita e que tinha entre suas fotos do Tinder várias fotos de viagem, como fotos fazendo compras em Paris, entre outras coisas. Foi ela quem começou a conversa comigo, e não me lembro exatamente o que ela disse, mas começamos uma conversa boba e algum tempo depois foi ela quem decidiu começar a aprofundar nossos assuntos e isso fez com que nosso relacionamento realmente se tornasse algo interessante e duradouro.” -Michel.

9. Simplesmente vá em frente!

“O tempo é tudo, então, se você não está tentando, nunca saberá quanto tempo irá demorar para que as coisas aconteçam para você. Nunca pensei nem em um milhão de anos que eu fosse conhecer meu marido em um aplicativo de namoro e menos ainda que ele seria meu primeiro e único encontro no Tinder (sim, eu tive muita sorte). Assim que conheci o Paulo, eu sabia que ele era a pessoa certa, e agradeço todos os dias por ter baixado um aplicativo de namoro, por ter perdido a vergonha e ter ido em frente para tentar encontrar alguém que me fizesse feliz.” – Carla.

10. Não force uma conexão

“A melhor parte sobre os aplicativos de namoro e sobre poder conversar online é que você ganha mais tempo e conhece a personalidade da pessoa antes de marcar um primeiro encontro presencial. Por isso, você pode esperar para se encontrar com uma pessoa que realmente parece ter se dado bem com você, e que você sentiu que vocês combinam, e a conversa acontecerá naturalmente. Não tenha medo de fazer perguntas sérias, e certifique-se de que essa pessoa seja alguém com quem você realmente quer dividir seu tempo. Além disso, se você não está sentindo essa conexão, não se sinta mal e nunca tente forçar para que isso aconteça. Se você está conversando com a pessoa e ainda assim está nervosa por conhecê-la pessoalmente, use o Skype ou FaceTime, e se nesses casos eles inventam desculpas para não falar com você, é melhor procurar outra pessoa que desperte o seu interesse.” – Raíssa.

11. Tente agir naturalmente no primeiro encontro

“Eu trabalho com RH e entrevisto pessoas desde que eu tinha cerca de 21 anos, então eu sempre pensava em um primeiro encontro com uma pessoa como uma oportunidade perfeita para ‘entrevistar’ e ‘examinar’ aquela pessoa. Na verdade, não foi isso que eu fiz com o Roberto. Tudo foi muito natural, apesar de eu estar muito nervosa no início. Por isso, eu aconselharia homens e mulheres a tentarem agir naturalmente no primeiro encontro e encará-lo de maneira leve, o menos sério possível. Converse, preste atenção à linguagem corporal da outra pessoa, tente curtir o momento e se isso acontecer, você encontrou alguém interessante para você.” – Silvana.

12. Se estiver muito nervosa, vá com um grupo de amigos

“Não pense demais no primeiro encontro com alguém. Se você estiver muito nervosa para encontrar alguém que você acredita ser especial pela primeira vez, tente combinar uma saída em grupo, que você leva alguns amigos e a outra pessoa também. Minha namorada e eu nos encontramos pela primeira vez em um bar, nós dois estávamos com nossos grupos de amigos e isso tirou bastante a pressão, porque não era como um ‘encontro’ muito sério.” – Renato.

O que você achou dessas dicas de pessoas reais para um encontro que começa em aplicativos de namoro? Tem alguma história marcante desde tipo de encontros? Comente abaixo!

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (2 votos, média: 5,00 de 5)
Loading...

Um comentário

  1. Comecei meu relacionamento no zap.ja a 3 meses.comunicavamos todos os dias.agora ele está si mostrando frio.sempre ele em primeiro lugar.todas as vezes só ele liga é eu tenho que atende é ligo é ele nada.cmo posso virar este jogo.estou gostando dele.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *