Home » Sexo » Problemas Sexuais » Virilismo Feminino: O Que é e Por que Ocorre Essa Doença

Virilismo Feminino: O Que é e Por que Ocorre Essa Doença

Virilismo feminino

O virilismo feminino é uma doença que dá às mulheres características masculinas que podem ser derivadas de outras doenças mais graves.

  Continua Depois da Publicidade  

Existem muitas doenças na área sexual que muitas pessoas desconhecem. Não apenas aquelas sexualmente transmissíveis, mas também aquelas que podem ser causadas pela alteração de qualquer órgão do corpo.

No caso das mulheres, as doenças são mais conhecidas, já que a maioria delas vão ao ginecologista ao menos uma vez por ano, diferente dos homens, que acabam não cuidado muito bem da saúde sexual.

É por isso que é essencial que você visite o seu médico para excluir qualquer doença, não apenas as DSTs, mas as que talvez você nem saiba que exista ou não esteja consciente de que possa ter e apenas um profissional da saúde poderá detectar.

Assim, o ginecologista pode detectar se você tem um tumor, problemas em seu sistema reprodutivo por meio de exames rotineiros, como o Papa Nicolau, ou se já teve ou tem um tumor no peito e se não passou por mudanças buscas ou outra doença que pode afetar os seus órgãos reprodutores, tenha filhos ou se vai querer ou não tê-los.

  Continua Depois da Publicidade  

Talvez você já tenha ouvido falar de todos esses procedimentos ou por fazer a sua visita de rotina em seu ginecologista, esteja ciente do quão importante é essa consulta para o bem da sua saúde geral.

No entanto, existem algumas doenças femininas que nem todas conhecem bem, quer porque as pessoas têm medo de falar sobre elas ou porque não são tão comuns.

De qualquer forma, o virilismo feminino é uma doença que existe e que é importante saber como detectá-la, ir ao médico para que ele faça um diagnóstico e também saber como ela pode ser tratada, de modo que a pessoa afetada possa levar sua vida normalmente a partir desse momento e cuide da sua saúde o máximo possível para o seu próprio bem-estar.

O que é o virilismo feminino?

O virilismo feminino é uma doença que afeta apenas as mulheres. Como o nome sugere, esta doença é caracterizada por proporcionar traços masculinos às mulheres, especialmente após a puberdade e já na idade adulta.

As mulheres afetadas pelo virilismo serão conscientes de que sofrem com essa doença pois começarão a crescer mais cabelos pelo seu corpo, especialmente na área do rosto, em torno dos mamilos e dos órgãos genitais. Além de ganhar mais pelos no corpo, eles serão mais grossos e escuros do que antes.

  Continua Depois da Publicidade  

Além do fato de aumentar a quantidade de pelos, também pode ser que outros aspectos masculinos apareçam, como por exemplo a mudança de voz, que se torna mais grave e forte, pode ser que desenvolva um caráter mais seco e/ou autoritário, que tenham amenorreia (ou seja, a menstruação desaparece por alguns meses ou completamente) e a hipertrofia do clitóris.

Por que ocorre o virilismo feminino?

O virilismo feminino é uma doença e pode ser causada por outras como diabetes, hipertensão arterial, tumor ou infecção nos ovários, entre muitas outras doenças.

Então, se uma mulher começa a notar os sintomas do virilismo, ela não precisa se preocupar demais. O melhor é que vá até seu ginecologista o mais rápido possível para que possa fazer os exames necessários e detectar a verdadeira causa do possível virilismo.

Uma vez que o médico ou ginecologista detectou os motivos pelos quais a mulher está tendo esses sintomas, ele poderá passar o tratamento adequado.

No caso de ser causado por qualquer doença que foi mencionada anteriormente, a medicação e o tratamento fornecido pelo médico podem alterar alguns dos sintomas que causam o virilismo feminino, como por exemplo a redução do pelo corporal ou a alteração de voz.

  Continua Depois da Publicidade  

No entanto, deve-se ter em mente que esta é uma doença que pode ser derivada de outras condições mais graves, como a pressão alta, tumor ou condição nos ovários, por isso é essencial que, antes de mais nada, a mulher seja tratada por essas doenças, que podem colocar a sua saúde em risco.

Certamente, o médico ou ginecologista lhe dará o tratamento adequado para tratar as consequências do virilismo feminino, mas a mulher deve estar ciente de que o mais importante é lidar com as doenças que causaram o virilismo e depois poder tratar de forma apropriada a outra doença.

Você já tinha ouvido falar do virilismo feminino? Conhece alguém que tenha essa condição? Já apresentou sintomas? Comente abaixo!

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (Nenhum Voto Ainda)
Loading...
  Continua Depois da Publicidade  

Deixe uma resposta

Seu email não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados *

*