Vaginoplastia e labioplastia

Vaginoplastia e Labioplastia, as Cirurgias Íntimas Mais Procuradas Pelas Mulheres

Você já ouviu falar sobre a vaginoplastia e labioplastia? Já fez? Quer fazer? Neste artigo aprenderá um pouco mais sobre cada uma delas.

O que é a vaginoplastia?

A vaginoplastia é um procedimento que visa reduzir a vagina que perdeu sua tonicidade devido à idade ou ao nascimento de um bebê. Alguns cirurgiões afirmam que a sensibilidade pode ser melhorada com essa cirurgia – uma declaração que o Colégio Americano de Obstetras e Ginecologistas (ACOG) questiona fortemente.

Embora os tecidos vaginais podem se estreitar, esse procedimento não pode garantir uma maior resposta sexual, nem de desejo, excitação ou orgasmo.

É importante também ter em mente que as respostas são muito pessoais, dependem de cada indivíduo e são condicionadas por fatores interpessoais, emocionais e espirituais, como o conceito de estética.

Além disso, ter uma maior sensibilidade sexual não indica que a pessoa automaticamente sentirá mais prazer – isso pode ter inclusive um efeito contrário e ser mais doloroso.

O que é a labioplastia?

A labioplastia consiste em uma cirurgia plástica dos lábios vaginais. Ela pode ser realizada sozinha ou em conjunto com a vaginoplastia.

A intervenção pode ser feita nos lábios maiores (os lábios exteriores, maiores) ou nos lábios menores (os lábios internos da vagina, os mais pequenos ou mais finos). A labioplastia altera o tamanho ou a forma dos lábios vaginais, tornando-os menores ou corrigindo a assimetria entre eles.

Cirurgia reconstrutiva x Cirurgia estética

Para considerar fazer a vaginoplastia ou a labioplastia, é importante entender a diferença entre a cirurgia reconstrutiva e a estética.

A cirurgia reconstrutiva melhora a função de uma parte do corpo, enquanto que a cirurgia plástica altera a estética da anatomia.

Você pode imaginar tudo isso de forma metafórica, como se fosse uma operação no nariz: a cirurgia reconstrutiva seria destinada a mudar as cavidades nasais internas para ajudar a pessoa a respirar melhor, enquanto que a cirurgia estética seria destinada a mudar a forma do nariz para ter a aparência que a pessoa gostaria.

Algumas vaginoplastias são realizadas para reconstruir ou suavizar os efeitos produzidos ao nascer, como por exemplo as vaginas com má formações, muito curtas ou até mesmo ausentes, para que a mulher possa crescer adequadamente podendo urinar, menstruar e ter relações sexuais.

Riscos de vaginoplastia e labioplastia

Alguns dos riscos que a cirurgia estética vaginal pode causar são: infecções, mudanças permanentes na sensação, dor contínua ou cicatrizes.

O melhor conselho para uma mulher que está disposta a considerar uma cirurgia vaginal é conversar abertamente com um médico da sua confiança falando sobre os seus sentimentos e o que a preocupa em seus órgãos genitais, bem como as expectativas que ela tem sobre a cirurgia e outras opções não-cirúrgicas.

É importante mencionar a importância dos exercícios Kegel para ajudar a fortalecer os músculos vaginais, bem como a sua tonificação, melhorando a excitação sexual e as práticas durante as relações sexuais. Isso, por sua vez, contribuirá para melhorar a autoestima e a confiança.

Quanto custa uma vaginoplastia e uma labioplastia?

O preço exato de qualquer uma das cirurgias irá depender muito da sua cidade, estado, médico, etc.

Há vários fatores que podem alterar os valores dessas cirurgias, porém, de acordo com algumas pesquisas, tanto a labioplastia como a vaginoplastia custam em torno de R$4.000.

Você conhece alguém que tenha feito uma vaginoplastia ou labioplastia? Tem vontade ou necessidade de fazer esse tipo de cirurgia? Comente abaixo!

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (1 votos, média: 5,00 de 5)
Loading...

Deixe uma resposta

Seu email não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados *

*