Calcinha

Tipos de Vagina: Ainda Que Você Não Acredite, Há Mais de um!

Já é hora de conhecer esta parte do corpo que é tão pouco falada. Muito se fala sobre os formatos dos pênis, o seu tamanho médio ao redor do mundo e até mesmo o que a ciência considera que é um pênis “normal”. Mas é hora de mudar o assunto e se concentrar no que realmente deveria ser importante para as mulheres: os diferentes tipos de vaginas que existem.

Elas são uma parte incrível do corpo das mulheres, mas a verdade é que a maioria não conhece o suficiente sobre ela. Seja por modéstia ou por falta de informação.

O que é claro é que elas estão acostumadas a ver e ler sobre pênis em todos os lugares, inclusive nos desenhos que os meninos fazem na escola… Mas e as vaginas? Até que ponto você a conhece?

Provavelmente, muitas mulheres chegam a confundi-las com as vulvas, e não, elas não são as mesmas coisas. Por isso, para evitar essa confusão e finalmente poder chamar cada parte pelo seu devido nome, aqui você verá um pouco mais sobre o maravilhoso mundo do sistema reprodutivo feminino.

Porque já é hora de deixar de lado os eufemismos que envolvem as mulheres desde a infância e alimentam o tabu que envolve esta parte do corpo…a VAGINA.

Vagina e vulva não são a mesma coisa

Primeiramente, é importante saber do que você está falando, porque é muito provável que quando você diga vagina, esteja se referindo à vulva.

  • Vulva: a vulva integra todos os órgãos sexuais externos, que são: o monte vênus ou monte púbico, os lábios externos e internos, o clitóris, as glândulas Bartholin ou glândulas vestibulares, o orifício uretral (onde a mulher urina) e o início da vagina. Ou seja, a vulva é praticamente tudo o que você consegue “ver”.
  • Vagina: a vagina é considerada um órgão interno, é o canal para o colo do útero e útero, a parte final do canal de parto, o canal de saída da menstruação e o furo no qual (no português claro) o pênis é introduzido durante as relações sexuais.

Quais tipos de vaginas e vulvas existem?

Na verdade, isso é algo que não se pode classificar com muito rigor, porque assim como qualquer outra parte do corpo, todas as pessoas têm algo parecido, mas nunca será exatamente igual, o mesmo. Cada corpo é diferente.

No entanto, uma vez que se fala sobre isso, podemos utilizar uma classificação que se tornou viral pela internet, a de Mel, uma esteticista especializada em depilar esta área, que disse que depois de ter visto “milhares de vaginas” (aqui é importante dizer que o que ela em realidade está se referindo é a vulva), conseguiu classificá-las em cinco tipos de “vaginas” diferente, dando a cada um desses tipos um nome e descrição.

Veja agora quais são:

  1. Srta. Barbie: a que todos imaginam quando pensam nessa parte do corpo, porém poucas mulheres têm. Ocorre quando os lábios maiores tapam completamente os menores.
  2. Srta. Cortinas:  muito mais comum do que a anterior. Ocorre quando os lábios menores sobressaem mais do que os lábios maiores.
  3. Srta. Bolinho de Chuva: semelhante à primeira e mais frequente. A diferença é que os lábios “se projetam mais” devido ao tamanho do osso púbico.
  4. Srta. Ferradura: denominada assim devido à “abertura” na parte superior, através da qual os lábios inferiores sobressaem, enquanto que os maiores cobrem os de baixo.
  5. Srta. Tulipa: leva este nome por causa da semelhança com o botão desta flor. Os lábios menores estão expostos ao longo de todo o comprimento dos lábios maiores.

Após esta classificação divertida e precisa, há pouca coisa para ser adicionada. Lembre-se: a sua vagina é única. Conheça-a, cuide dela, quebre tabus e divirta-se!

RECOMENDADOS PARA VOCÊ

Olhando as definições que listamos acima, que tipo de vagina você acredita que tem? Você é feliz e satisfeita com a aparência da sua? Comente abaixo!

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (1 votos, média: 5,00 de 5)
Loading...


Deixe uma resposta

Seu email não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados *

*