Casal se Instigando

É Possível Para uma Mulher Ter Sexo Casual Sem Culpa ou Arrependimento?

É possível ficar e ter sexo casual sem criar nenhum tipo de resposta emocional ou desejo de ligação? Essa não é uma pergunta do tipo “tamanho único”. Para o objetivo desse artigo, vamos falar principalmente para mulheres, porque homens e mulheres são biologicamente programados diferentemente quando o assunto é sexo.

Então deixe-nos ser mais específicas: de modo geral, as mulheres são tão capazes e propensas quanto homens a fazer sexo casual e ainda encontrar satisfação além do momento físico?

Em 99% dos casos a resposta é não. Estou definindo uma “ficada” como fazer sexo ou qualquer encontro sexual além do bom e velho amasso com quem você tem nenhuma conexão emocional mútua ou relacionamento estabelecido. É o cara que você acabou de conhecer que é lindo, confiante e paquerador. Ele te diz coisas que soam tão bem que você intuitivamente sabe que ele tem bastante prática dizendo para garotas. Ou o cara que você conhece há um tempo que só te envia uma mensagem para ver se você quer “sair”, mas que nunca te chamou para um encontro de verdade. Ou o cara por quem você teve uma mega queda apesar do fato de que ele está indisponível de algum jeito, mas que você simplesmente não pode negar a química. Ou pode até ser o cara com quem você teve alguns encontros e agora sente-se obrigada a “se soltar” mais.

A maioria das mulheres não é capaz de ter uma relação de sexo casual. Por quê?

Vamos começar com biologia básica. Quando temos qualquer tipo de troca física com um cara, desde carinho até o sexo, liberamos um hormônio de conexão chamado oxitocina. Quando liberamos a oxitocina, ela muda a química de nosso cérebro e começamos a nos sentir emocionalmente ligadas a quem quer que tenha a acionado. Se você acha que é totalmente capaz de ter casos sem significado ou realmente não está interessada em um cara, a oxitocina pode mudar tudo! A

té mesmo se você não tiver nenhum interesse em vê-lo novamente, as chances são altas de que você ainda queira saber dele só para ter certeza de que não foi completamente sem sentido. E se você tinha algum interesse antes da ficada, a oxitocina vai te deixar querendo ainda mais. Você provavelmente vai checar seu telefone constantemente no dia seguinte para ver se tem um SMS com uma carinha e se encontrar distraída pensando nele. Isso é dolorosamente natural.

Nosso desejo de nos conectarmos emocionalmente é ampliado quando nos conectamos fisicamente por causa da mudança hormonal em nosso cérebro e porque somos criaturas emocionais – o que é algo a ser celebrado, apreciado e respeitado!

Quando uma mulher faz sexo casual e ela não pede o que quer, não para o que não quer ou sente-se rejeitada de alguma maneira, é provável que ela experimente a chamada ressaca moral. Essa ressaca vem de termos uma enxurrada de hormônios de conexão no nosso corpo sem ter com quem nos conectarmos. Você pode se sentir desapontada, triste, com raiva, culpada e/ou envergonhada porque uma tonelada de oxitocina foi liberada sem nenhuma conexão emocional presente com outra pessoa para recebê-la.

Ouvimos muito falar de histórias “do dia seguinte”. Há muita dor e chateação por aí por se sentir rejeitada depois de ter ficado tão vulnerável, e no dado momento que você fique nua com alguém, isso é ser vulnerável! Se você se identifica com isso, acalme-se: você não fez nada de errado. Arrependimento e autocrítica só vão te fazer sentir pior.

Mulheres que estão conscientemente andando por um caminho espiritual são ainda mais suscetíveis a esta ressaca moral. Quando trabalhamos para nos tornarmos conscientes, ficamos mais abertas e conectadas. Grande parte do nosso crescimento espiritual se dá derrubando muros que perpetuaram nosso senso de desconexão. Naturalmente nos tornamos mais sensíveis e nossa habilidade de investigar diminui.

Então, se você se sente mais aberta e expansiva, é bem provável que você vá sentir um desejo de se conectar em um plano emocional com a pessoa com quem você se conectou em um plano físico durante este “sexo casual”. Intimidade sexual e física pode ser uma parte fantástica da nossa espiritualidade se a abordarmos conscientemente e escolhermos fazê-lo com pessoas com quem queremos e que sejam capazes de nos corresponder no nível em que estamos. Do contrário, pode-se sentir apenas um vazio e insignificância e, honestamente, vale a pena?

Talvez você tenha que estabelecer limites para o sexo casual, mas considere que fazê-lo cedo demais pode ser um ato de amor próprio ou de se honrar. Repense seus limites e considere como suas escolhas podem estar te afetando e contribuindo para o tipo de homem que você tem atraído. Da próxima vez que você tiver rela com alguém, por favor, pergunte-se estas coisas:

1. Estou fazendo isso apenas porque penso que é hora ou porque ele parece realmente interessado em mim e não quero que ele perca o interesse?

2. Estou fazendo isso esperando que me leve a um relacionamento?

3. Estou investindo nessa ficada para provar algo a mim mesma ou a alguém?

4. Quais são meus limites e eu os estabeleço e os honro?

5. Estou fazendo coisas que eu realmente não quero ou que não me sinto bem?

6. Estou permitindo que ele conduza e manobre com vários truques ao invés de estar em sintonia comigo/ com meu corpo?

7. Estou mais focada no desempenho ou em agrada-lo ao invés de no meu próprio prazer físico?

8. Eu vou ficar bem e não vou ficar desapontada de jeito nenhum se não souber dele amanhã ou nunca mais?

Seja honesta consigo. Eu entendo completamente que, quando alguns hormônios começam a se agitar (e especialmente se você adiciona qualquer tipo de álcool à mistura), sua mente não está sempre tão clara assim. Acredite que o cara que for realmente o certo vai esperar seu tempo. Por favor, desconsidere qualquer crença limitadora de que há um programa para você “se soltar” ao qual você tem que aderir ao invés de sua própria voz interior. Espere pelo cara que te leva a encontros de verdade, te faz perguntas sobre sua vida e lembra que você realmente adora chocolate.

Dito isto… Há duas condições onde um sexo casual pode ser possível sem ressaca:

A primeira é quando uma mulher está 100% confortável e forte na sua própria sexualidade, pede o que quer e honra seus limites, tem expectativas zero e não está procurando por nenhum tipo de relacionamento. A segunda é quando o cara está muito mais interessado nela do que ela nele. Se uma mulher se sente sufocada por um cara que ela não gosta lá tanto assim, é mais provável que ela deixe ele de lado e siga adiante. Em ambos os casos estas situações são raras. Frequentemente vejo mulheres se arrependendo de sexo casual quando tentaram se convencer que estavam bem com a situação (quando não estavam).

Mulheres, seu corpo é sagrado e sua sexualidade é uma extensão de seu espírito. Ambos estão aqui para que você curta e expresse de maneiras que sejam saudáveis e prazerosas. Seu corpo está conectado com sua sexualidade de modo que quando você se abre sexualmente, você está colocando em jogo seu coração doce, carinhoso e sensível. Explorem modos de experimentar a sensualidade e expressar sua sexualidade de maneiras que não façam se sentirem mal consigo mesmas! Divirtam-se, namorem, paquerem e comprometam-se a se honrarem e a serem autênticas, quando o assunto é ficar.

Se você está vivendo uma ressaca moral pós-sexo casual:

  1. Perdoe-se e para de se julgar. Navegar nas águas do amor e do sexo pode ser traiçoeiro, tenha calma!
  2. Escreva no seu diário o que você aprendeu das experiências e como isso tem ajudado você a esclarecer o que realmente quer.
  3. Crie diretrizes para ficar que honrem o que for verdadeiro para você e que possam ser seu compasso quando for ficar na horizontal.

Tome as rédeas da sua sexualidade de volta e curta o passeio que esteja mais de acordo com a verdade de quem você é e o tipo de intimidade que você quer dividir com alguém.

Você acredita que consegue viver um relacionamento de sexo casual? Você já passou por uma experiência dessas? Como foi viver isso? Comente abaixo se você teve dificuldades ou não!

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (6 votos, média: 4,50 de 5)
Loading...


10 comentários

  1. Não consigo imaginar uma mulher que consiga viver uma situação dessas numa boa. Só se ela estiver muito bêbada, em outro país ou com sentimento de vingança. Mesmo assim acho que bate uma tristeza depois no fundo pela situação. Enfim, cada um busca o que acredita ser melhor para si. Que sofra as consequências ou, quem sabe, a felicidade e excitação da aventura. Adorei o site!

  2. Fiz sexo casual há 1 mês atrás, e não me arrependo, foi delicioso….
    Depois de estar casada e fiel ao mesmo homem por 13 anos, me sentir desejada e saborear um HOMEM(assim letra maiúscula) lindo e com borogodó foi um up na minha autoestima!!!!
    Me sinto extremamente autoconfiante desde então, sexy, sensual e me cuidando muito mais!!!
    Para mim funcionou bem, pq o cara é maneiro, não tenho nenhuma pretensão e nem vontade de relacionar-me agora, cansei de exclusividade quero ser avulsa no sexo!! Sem culpa e neura

    • É uma raridade encontrar uma mulher com essa cabeça. Posso dizer uma em cada 1000 e olha lá estou a procura de uma pessoa com essa abertura até hoje não encontrei.

  3. Acho que realmente a natureza do homem e da mulher sao muito diferentes, mas quando descobrimos e despertamos nossos desejos, ai as coisas mudam completamente. Voce esta mais do que apoiada Dani. Super beijos pra vc e adorei o site

  4. Tive o desprazer de fazer isso em três ocasiões e me senti péssima. Além de não ter experimentado nenhuma gratificação física por ter sido rápido e totalmente descuidado, ainda amargo a obrigação de ter de conviver com um deles que é vizinho.

  5. Por isso eu ando por aí encontrando as mulheres “despachadas” sexualmente. As garotas que ficam criando expectativas e querendo engatar relacionamento são um saco. Eu sei claramente que não quero me envolver em um relacionamento nesta vida, é injusto ter que conviver com mulheres que busquem algo mais sério. Por isso acho extremamente importante que a mulher se posicione meio que no início ao invés de ficar fazendo joguinho.

  6. *nesta FASE da vida eu queria dizer

  7. Tenho 19 anos de relacionamento e 16 de casada
    Sendo que fui fiel por 17 anos. Tenho em media 3 relações por ano

    sai com um cara , o primeiro , em abril ficamos amigos mas eu não quis repetir. Sosseguei porem em 26 de agosto sai com outro que qdo o vi, tinha 58 anos, mas ja tinha combinado que era comcamisinha mesmo assim gozando fora , sem beijo na boca e sem sexo oral. O velho foi foda, mas eu queria ser penetrada e deixei mas fui embora logo. Dele tive nojo. Somos amigos tb mas não rola mais. Dia 15 de setembro um cara de 52 anos, coincidentemente amigo da minha melhor amiga me convence a sair. Todos esses conheci no site para pessoas casadas. . Esse era perfeiro porque não gostava de oral e aceitou gozar fora. Beijamos porque ele é chick e muito cheiroso. Fiz o anal mais dolorido que ja fiz mas foi bom. Porem a idade dele ainda me incomodava, mas transou gostoso. No ato que eu estava por cima a camisinha estorou trocamos e partiu p o anal. Não conseguia parar de me punir depois disso. Tive crise de ansiedade de não conseguir dormir, por medo de ter pego uma DSTs. Fui ao nmedico essa semana e fiz exames, quase desmaio de medo, tomei diazepan como bala. Saiu tudo bem. Mas depois que passei foi tao horrivel que ainda que tenho vontade lembro do panico e desisto. Eu comecei a ir no psiquiatra e tinha pedido um remedio p tirar meu libido. O puto medico era sexologo e se recusou, mandou eu resolver com vibrador. Quanto mais eu me masturbava mais eu queria sexo. Me masturbava de manha e ja 3h da tarde ja estava escondida dentro do banheiro me masturbando. Sexo virou uma obsessão. Eu tinha que me controlar absurdamente
    Muitos caras que falei toparam fazer exame antes p gente se encontrar mesmo assim nao conseguia. No site fui contactada ppr mais de 500 homens. Sai do 2 sites, mas sinto falta, fiquei compulsiva. .
    Eu sou super seletiva, mas estava a ponto de transar con 2 na mesma semana. Horrivel.
    Olha o que o psiquiatra disse:

    “Você da, mas se ficasse bem ok, mas você fica super mal cara, assim não da. Vou te dar um medicamento para acalmar esse seu libido. Ate porque você coloca tanta restricao que nem curte o que é bom”. Eu ria p não chorar.
    O remedio não fez efeito ainda.
    Comecei me castrar sexta a noite. O psiquiatra me passou um remedio de 400 reais que vai me tirar a compulsao sexual, ele é sexologo, não queria fazer isso, mas disse que melhor assim porque a culpa esta me destruindo.
    Fui no dermatolpgista e ele me fisse que eu tinha que tomar testosterona p ativar meu metabolisto , ja o psiquiatra disse: tá louca, com um dose minima de testostrona você vai dar p o primeiro que cruzar seu caminho. Acho engracado o jeito rasgado que ele fala,

    Não sou de chorar mas chorei muito. Quero mimha vida de volta.
    Vou ndicar 2 sobre isso
    Shame
    Addicted

    http://m.obaoba.com.br/cultura/noticia/filmes-sobre-personagens-viciados-em-sexo

    Me controlo para não voltar p os 2 sites. Se não fossemeu medo de DSTs eu daria para uns 3 diferente a cada semana. E sabe que eu descobri, que não queria nenhum fixo, queria sexo e ir embora
    So sai com homem poderoso, mas o sexo nao foi la essas coisa pq eu me privava muito. Adoro estar penetrada, era a unica coisa boa. Mas sempre saia pensando que meu orgasmo quando me masturbo era melhor. . Resumindo, fiquei compulsiva. Triste, quando olho p os meus filhos. Ainda assim me da raiva daqueles recadinho de psicologia barata que dao la no site irresistível. Bando de frustrado que se contentam com pouco e querem passar outra imagem.
    Rita lee fala tudo na musica:”amor é divino, sexo é pagao”

    http://youtu.be/ho-iGFctXe8

    Me faz chorar porque nunca amei e nunca tive esse sexo que é exatamente o que eu gosto. Hoje posso dizer que sou uma mulher frustrada e terei que aceitar essa condição. Cheguei ao ponto de ter medo de emagrecer e ficar gostosa e não conseguir me controlar.
    Resumindo: Pirei

  8. Tive um sexo causal recentemente com um cara que conheci no tinder a um ano atrás. No momento eu achava que não iria me importar se ele desaparecesse no dia seguinte, só que estou com esse tipo de ressaca moral, me sentindo péssima. Ele não me procurou até então, não sei se o sexo foi ruim ou coisa do tipo, so sei que to me sentindo muito mal e espero que isso passe o mais rápido possível. Se eu pudesse voltar atrás isso não teria acontecido. Não gosto desse meu jeito de colocar sentimentos em tudo, queria ser mais confiante e abandonar alguns valores pois me encomoda bastante. Na verdade eu queria alguém pra mim e não por momento, mas hoje em dia é muito difícil.

  9. Mulher que se valoriza é outro nível. Mulher só tem vantagem no sexo se ganhar dinheiro nisso. No momento que ela se dispõe a transar com um cara ela está fazendo um favor a ele e ele está economizando com uma prostituta que iria ter que pagar. As vzs as mulheres se acham um máximo pq são desejadas e tal pelos homens, mas esquecem que os cara se excitam até com um bicho ou uma criança. Não consegui se controlar beleza pode dar, agora pelo menos bota um precinho.

Deixe uma resposta

Seu email não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados *

*