Home » Sexo » Dicas de Sexo » Como Utilizar Lubrificante Íntimo
Lubrificante íntimo

Como Utilizar Lubrificante Íntimo

Lubrificante íntimo e sexo são a mistura perfeita para desfrutar mais e melhor do seu relacionamento e das noites a dois. Por isso, saiba como utilizá-lo. 

Você sabe qual é o melhor momento para utilizar o lubrificante íntimo? Quantos tipos existem? Aqui verá tudo o que precisa saber sobre lubrificantes íntimos.

Nos últimos anos, usar lubrificante é algo quase tão comum como utilizar preservativos. Para os casais homossexuais, por exemplo, é um elemento quase que imprescindível, enquanto que para os heterossexuais o seu uso está cada vez mais associado aos mais diferentes motivos. 

Um deles é que o sexo anal se tornou algo muito mais comum entre eles, uma prática incrivelmente prazerosa que exige dilatação, seja através do sexo oral ou do lubrificante. Só assim ambos poderão aproveitar plenamente esta vertente do sexo em todas as suas posições.

Mas o uso do lubrificante, obviamente, vai muito mais além do que somente isso. É por este motivo que aqui você verá tudo o que precisa saber sobre esse produto milagroso. 

Por que usar lubrificante íntimo?

Muitas mulheres usam o lubrificante íntimo quando sentem dor durante a penetração em suas relações sexuais, já que ele é capaz de facilitar a penetração vaginal, suavizá-la e permitir que ambos do casal aproveitem, já que a penetração dolorosa muitas vezes está relacionada à secura vaginal. 

Em outros casos, é o homem que, na ausência do fluido pré-ejaculatório, ou como também é conhecido, fluído de Cowper, precisa de um pouco de lubrificante para não se machucar ao se esfregar contra o corpo da mulher.

Usar um pouco deste gel permite que o casal faça brincadeiras muito mais divertidas. Um lubrificante íntimo pode se tornar o seu melhor aliado: diferentemente da saliva, que ainda que a princípio possa ser agradável, tende a evaporar e deixar a pele pegajosa e no final acaba causando uma dor não muito agradável sexualmente, o lubrificante íntimo enfrenta os incômodos de maneira muito discreta. 

Além disso, esse produto é hipoalérgico e perfeitamente compatível com todos os preservativos, o que já não é o caso da vaselina, que foi utilizada durante muito tempo, mas pode danificar o látex, criando poros e causar irritação. 

Quando usar o lubrificante íntimo?

É aconselhável usar o lubrificante íntimo no caso de secura vaginal. Isso substitui o mecanismo da lubrificação natural e permite que ambos sintam sensações agradáveis no momento da penetração. 

Além disso, mesmo nos casos em que não há secura vaginal, mas o pênis do homem é grande ou a vagina é muito estreita, o lubrificante é uma maneira muito bem sucedida de prevenir a dor pós-coito. 

Por outro lado, como dito anteriormente, geralmente ele é um aliado indispensável para a penetração anal, porque embora provoque prazer, o ânus não é uma área anatomicamente preparada para a penetração; portanto, embora possa ser excitado e dilatar, não possui função lubrificante. 

Finalmente, o seu uso é recomendado com brinquedos sexuais e outros objetos, uma vez que o lubrificante íntimo proporciona um contato mais suave e evita a irritação causada devido ao uso prolongado.

Mas atenção! Nunca use um lubrificante à base de silicone com brinquedos sexuais de silicone. Eles são incompatíveis. Em caso de dúvida, opte por um à base de água.

Um gesto simples

Fácil de usar, o lubrificante íntimo pode se tornar mais uma brincadeira das preliminares do casal. Basta colocar uma pitada de gel na entrada da vagina, do ânus, do pênis ou do brinquedo sexual antes da penetração e brincar com os dedos para espalhar bem o gel. 

Tome cuidado se você o utiliza com um preservativo: uma grande quantidade de lubrificante fará com que o látex deslize demais.

Assim como os preservativos, hoje em dia há uma grande variedade de lubrificantes íntimos no mercado e que satisfazem a todas as necessidades. A maioria dos géis tem uma boa base de água: eles não ficam grudentos, não mancham, não têm cheiro e são limpos com facilidade. 

Porém, lembre-se de que eles não podem ser utilizados na banheira ou no chuveiro, já que se dissolvem com água.

Para os casais aquáticos, o melhor é usar lubrificantes à base de silicone, já que eles possuem maior poder de lubrificação e podem até ser utilizados como óleo de massagem em todo o corpo. 

Se você quer dar um gosto irresistível e mais guloso, brinque com os perfumes. Várias marcas oferecem lubrificantes íntimos de diversas cores e aromas, seja para carícias mais saborosas ou para relações sexuais mais exóticas.

Morango, kiwi, caramelo, melão, tutti-frutti, framboesa, chocolate maracujá, entre muitas outras opções. Os lubrificantes são comestíveis, sem açúcar nem corantes e 100% compatíveis com os preservativos. 

Lubrificante íntimo: Divirta-se!

Para variar o prazer e as sensações, use a sua imaginação. Para subir a temperatura (e para aqueles que não estão muito motivados com a ideia de colocar gel frio em suas partes íntimas), esfregue o lubrificante entre as palmas das suas mãos antes de aplicá-lo. 

Para o contrário, para sentir um arrepio de prazer, dê um toque de frescura deixando o tubo do lubrificante íntimo em um local frio, como por exemplo na geladeira, por algumas horas antes da relação sexual.

Hoje em dia, existem lubrificantes de todos os tipos: os mais líquidos, mais espessos, mais frios ou mais quentes, para atrasar a ejaculação, etc. Inclusive, existem lubrificantes com diferentes efeitos para os homens e mulheres, fazendo com que elas acelerem o orgasmo e eles atrasem; assim, ambos conseguem uma simultaneidade no orgasmo, algo tão desejado por muitos casais. 

Regras dos lubrificantes íntimo

Divirta-se! Porém, com segurança. 

Se os lubrificantes íntimos facilitam os movimentos da penetração, eles também facilitam o transporte de bactérias. Para preservar a flora vaginal da possível contaminação dos germes, é aconselhável evitar qualquer contato entre a mucosa e o lubrificante.

Se você quer praticar a penetração vaginal após a penetração anal, é preferível limpar o lubrificante e colocar gel limpo sobre o pênis antes de seguir em frente.

Dito isso, agora é só aproveitar e curtir ao máximo tudo o que o lubrificante íntimo pode fazer por você e para a sua vida sexual.

Referências adicionais:

Você já sabia como utilizar lubrificante íntimo? Já experimentou alguma vez em uma relação sexual? Comente abaixo!

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (2 votos, média: 5,00 de 5)
Loading...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *