Casal feliz

8 Hábitos Surpreendentes Para Ter uma Relação Saudável

Na sua opinião, o que é necessário para que um casal tenha um relacionamento verdadeiramente saudável? Amizade, companheirismo, compreensão, amor, ou romantismo? Tudo isso junto?

Certamente todas essas coisas exercem um papel importante nesse sentido, mas também existem alguns hábitos surpreendentes, que não vêm à mente tão facilmente, mas que certamente ajudam a construir uma relação saudável, como você confere na lista abaixo:

1. Eles conhecem as senhas da internet um do outro

Esse primeiro hábito soa um pouco polêmico, mas se você parar e pensar, certamente verá que faz sentido. Se você não tem nada a esconder do seu parceiro, por que não deixar que ele saiba as suas senhas de e-mail e nas redes sociais? Em alguns casos, não querer que o outro as conheça pode ser indício de que há algo escondido ali que você não quer que ele saiba.

Calma, isso não significa dizer que o namorado ou marido tem o direito de invadir a sua privacidade e ler todas as suas conversas privadas ou e-mail, mas é uma questão de confiança e até prática, para aquelas horas em que você precisa olhar algo nas redes sociais ou pegar um contato que está salvo no e-mail, mas não tem como entrar na internet, já que pode pedir que o parceiro entre na conta e pegue as informações que você precisa.

2. Eles provam o seu amor nos pequenos gestos 

Quem não gosta de ganhar um grande gesto romântico como prova de amor? Ser surpreendida com uma dúzia de rosas ou descobrir que o namorado escreveu uma música só para você são coisas realmente incríveis, mas não há como negar que são nos pequenos atos do dia a dia que o amor se prova.

Lavar a louça quando a esposa está cansada, passar na livraria e comprar um livro de um autor que o marido gosta, mandar uma mensagem no meio do dia apenas para dizer que está com saudades ou deixar de jogar futebol com os amigos para ajudar a amada em um trabalho difícil da faculdade são pequenas ações que provam como a pessoa se importa com o outro e está realmente investindo no relacionamento.

3. Eles fazem pelo menos uma refeição juntos todos os dias

Quem tem um relacionamento de longa data sabe da importância de passar um tempo a sós com a pessoa amada e como isso pode ser difícil no mundo corrido dos dias de hoje. Assim, uma boa tática é reservar ao menos uma refeição do dia para que o casal faça junto.

Para os casados, pode ser o café da manhã antes de sair para o trabalho, caso eles tenham os mesmos horários. Se não for esse o caso, a solução é um esperar o outro para a hora do jantar e aproveitarem para conversar sobre como foi o dia que passou.

Já para quem namora e não divide a mesma casa, o jeito é marcar um almoço em um restaurante próximo ao local de trabalho dos dois ou um happy-hour após o expediente, para relaxar e se divertir ao lado do parceiro.

4. Eles esfriam a cabeça

Você já deve ter ouvido dizer que não é bom ir para a cama brigada com o seu cônjuge, entretanto pior do que isso é querer resolver tudo quando a cabeça ainda está quente e o sangue fervendo, acabar dizendo o que não queria – e não devia – e magoar ainda mais o parceiro.

Em certas situações, é melhor não prolongar a briga, pedir para conversar no dia seguinte e, com a cabeça mais calma e os nervos tranquilizados, expor os seus argumentos, ouvir o que o outro tem a dizer e se esforçar para solucionar o impasse da melhor maneira possível.

Mas atenção! Não é bom prolongar muito a conversa e o recomendado é não ficar mais do que um dia sem conversar com o parceiro.

5. Eles vão para a cama na mesma hora

Esse hábito pode ser mais difícil para o casal que não tem os mesmos horários de trabalho, mas o esforço vale a pena. Veja bem, quando os dois não vão para a cama na mesma hora, perdem boas oportunidades de conversar com o parceiro, de passar aquele tempo gostoso agarradinho na cama com a pessoa amada e também tendem a fazer sexo um menor número de vezes.

6. Eles brigam

É exatamente isso o que você leu. Para o casal que tem um relacionamento saudável, nem sempre briga é sinônimo de crise ou perigo de separação. Isso simplesmente quer dizer que eles são pessoas diferentes e que por conta disso possuem opiniões diferentes sobre diversos temas que envolvem uma vida a dois como finanças, diálogo, filhos e até a vida sexual.

Mas isso não significa que eles usam essas brigas para ofender ou machucar propositalmente o parceiro. Pelo contrário, eles mostram os seus argumentos tendo em mente que estão juntos, que fazem parte da mesma equipe e precisam chegar a um acordo, sem desrespeitar o outro.

7. Eles mantêm a sua individualidade

Ser um casal não é sinônimo de perder a sua identidade e ter a obrigação de fazer todas as atividades somente se o parceiro estiver junto. É importante que cada um mantenha a sua individualidade e continue a fazer as coisas que gosta como passear no shopping com as amigas, jogar futebol com o pessoal do trabalho, passar um tempo com a família ou caminhar no parque ou na praia, por exemplo.

Assim, os dois não se sentem como se estivessem deixando de ser eles mesmos por conta do relacionamento, e ao manter compromissos separados, sempre terão novidades para compartilhar um com o outro.

8. Eles priorizam o relacionamento 

Por mais que seja importante ter uma individualidade, isso não pode servir de justificativa para que o casal deixe de priorizar o relacionamento. Não dar o valor necessário à relação, deixando de passar um tempo de qualidade com o parceiro e não dando a devida atenção a ele, pode fazer com que o namoro vá esfriando e que as duas partes fiquem desanimadas.

Já para os casados que são pais, esquecer de passar um momento a sós como um casal de verdade é algo não tão raro de acontecer. É óbvio que os filhos – especialmente se ainda forem crianças – demandam atenção e dedicação dos dois, mas é importante achar uma brecha para manter a chama da paixão acesa e não deixar o casamento cair na rotina.

Até porque ver que os pais se amam e são felizes fará somente bem aos filhos do casal.

RECOMENDADOS PARA VOCÊ

Você e seu parceiro costumam corresponder a esses hábitos bem durante o dia a dia? Qual é a parte mais difícil? Comente abaixo!

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (4 votos, média: 5,00 de 5)
Loading...

Um comentário

  1. A parte mais dificil pra mim é a parte da briga, a gente briga por coisas sem sentido e um fica do com raiva do outro

Deixe uma resposta

Seu email não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados *

*