Pesquisa Revela que Casar é Melhor que Apenas Morar Junto

O que você acha que é melhor: o casamento tradicional, com papel assinado e tudo mais, ou simplesmente morar junto com o namorado ou namorada? Ou você é daqueles que acha que é tudo a mesma coisa e na realidade tanto faz? Pois saiba que para pesquisadores da Universidade de Virgínia, nos Estados Unidos, ser casado perante a lei é melhor do que simplesmente morar junto com a pessoa amada.

Os cientistas chegaram a essa conclusão através de um estudo feito com casais que apenas moram juntos e outros casados de papel passado. Durante a pesquisa, os participantes tiveram que deitar em um aparelho de ressonância magnética, de onde recebiam a mensagem de que poderiam levar um choque ou não.

No momento dos testes, era permitido que os voluntários segurassem a mão do parceiro, de uma pessoa estranha ou de ninguém. O resultado foi que quando os participantes casados seguravam a mão da pessoa amada, o hipotálamo – região que desempenha funções importantes em relação ao reconhecimento de emoções e reações a ameaças – sofria desaceleração, o que demonstra que para essas pessoas passar por uma situação de risco ao lado do marido ou esposa era mais fácil.

Já para os casais que somente moram juntos, esse resultado foi diferente: a não ser que eles se considerassem casados mesmo sem ter assinado um papel, a situação de perigo era tão estressante com ou sem a companhia do parceiro.

Para os responsáveis pela pesquisa, o fato de apenas dividir a mesma casa com a pessoa que ama faz com que esses casais não confiem tanto um no outro. “Não casar significa manter um pouco de distância emocional. Você não está fechado nisso. Eu imagino que funcione como um sinal para o cérebro, que diz que você não pode terceirizar a resposta ao estresse para o seu companheiro”, explicou um dos autores do estudo, Jim Coan.

Outros estudos já indicaram os malefícios de apenas morar junto: maiores chances de ter um casamento infeliz e níveis mais altos de depressão 

2bmulheres

E a pesquisa da Universidade de Virgínia não foi a única a demonstrar os malefícios que morar junto com o namorado ou namorada pode causar. Um artigo publicado no New York Times revelou que quem divide a casa com o parceiro antes de se casar “oficialmente” tem mais chances de ter um casamento infeliz e enfrentar um divórcio mais tarde.

A justificativa apresentada pelo estudo citado nesse artigo é que quando as pessoas já passam muito tempo juntos, resolvem “juntar as escovas de dente” com o pensamento de que se não der certo, basta um dos dois sair de casa que fica tudo bem.

O problema é que mesmo sem terem tido uma união de papel passado, eles terão dividido contas, amigos, endereço, possíveis bens e até animais de estimação. A coisa pode complicar ainda mais caso eles tenham tido filhos.

E não para por aí: outro estudo americano, dessa vez feito pela Bowling Green State University, do estado de Ohio, descobriu que os casais que somente moram juntos registram níveis mais altos de depressão do que os que são casados no papel.

A explicação é que o sentimento de falta de estabilidade afeta 25% a mais esses relacionamentos do que os das pessoas que estão casadas perante a lei, principalmente entre aqueles que estão em relacionamentos desse tipo há muito tempo.

Você já passou pela experiência de morar junto sem estar casado oficialmente? Acredita que isso possa realmente ser ruim para o casal? Comente abaixo sua opinião!

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (1 votos, média: 5,00 de 5)
Loading...

RECOMENDADOS PARA VOCÊ

Deixe uma resposta

Seu email não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados *

*