Sexo Oral

Como Ter Mais Sexo Oral – 5 Dicas Especiais

Quer ter mais sexo oral, mas não se sente confortável para pedir ao seu parceiro? A verdade é que a maioria dos caras realmente quer chegar na parte de baixo da cintura da mulher, mas alguns precisam de um pouco mais de incentivo.

Dizem que tudo é justo no amor e na guerra, mas quando se trata de sexo oral, as coisas simplesmente não são bem assim.

De acordo com um estudo recente realizado pela Pesquisa Nacional de Saúde Sexual e Comportamental dos Estados Unidos, metade de vinte e poucos rapazes entrevistados revelaraou que tinham recebido sexo oral no mês passado, em comparação com pouco mais de um terço das mulheres.

Enquanto dois terços das mulheres dizem que gostariam que seus parceiros chegassem lá em baixo com mais frequência, 49% são muito tímidas para fazer esta solicitação. É hora de igualar o placar, mulherada!

O que está fazendo com que ele não chegue lá embaixo?

Antes que você consiga levá-lo até lá embaixo, precisa descobrir por que ele tem sido negligente. Há chances de que isso aconteça por outros motivos, e não por ele ser preguiçoso.

1. Sinais mal interpretados

Quase 63% dos rapazes que participaram da pesquisa disseram que o que os impedia de ir para baixo era a vibe de “não, obrigado” da mulher.

Pode ser que ela tenha se recusado a receber sexo oral porque estava menstruada, ou porque havia acabado de sair da academia, e com isso o cara pode ter ficado com a impressão de que ela não gostasse tanto de receber sexo oral.

É então que as coisas devem ser esclarecidas.

Na próxima vez que vocês começarem a esquentar o clima, diga algo como “Ei, você é tão bom me chupando e eu estou morrendo de vontade, quero mais!” sugere a terapeuta sexual Lori Hollander, fundadora do Center for Real Intimacy in Ann Arbor, Michigan, Estados Unidos.

2. Perdendo o foco

Os homens podem ficar tão focados em penetrar a mulher, que acabam esquecendo do quão importante, alucinante e necessária a estimulação clitoriana pode ser, diz o conselheiro em sexualidade Ian Kerner, Ph.D., co-autor do Big Fun Sexy Sex Book.

Se o seu parceiro lhe faz sexo oral apenas esporadicamente e não fica muito tempo lá embaixo, Kerner sugere que você diga a ele que seus orgasmos derivados do sexo oral são na maioria das vezes muito mais intensos do que quando ele está penetrando você, e que você gostaria de terminar dessa forma de vez enquanto, antes de avançar para a penetração.

3. Nervosismo

A maioria das pessoas concorda que é muito mais fácil agradar a um homem durante a relação sexual do que a uma mulher, e o que acontece é que muitas vezes eles ficam com medo de fazer algo errado, não dar prazer à mulher e envergonhar-se ao fazer sexo oral, que acabam não indo lá embaixo.

Se o seu parceiro faz sexo oral com você, mas muda constantemente de técnicas e parece não saber o que fazer, ele provavelmente não sabe o que está fazendo e se sente inseguro a esse respeito.

O Dr. Kerner diz: “Fale coisas que sejam ao mesmo tempo encorajadoras e educativas, como por exemplo ‘Eu tenho uma fantasia em que nós dois estamos de bobeira, e daí você chega e desce e gentilmente usa a sua língua, apenas pequenas lambidas com a ponta da língua.” 

4. Más lembranças

Uma minoria dos homens simplesmente não gosta de fazer sexo oral, diz a sexóloga clínica, Amy Cooper, Ph.D., autora de The Everything Orgasm Book (traduzido para o português O Livro de Tudo do Orgasmo).

Mas muitas vezes é por causa de uma má experiência, como estar com alguém que ficou estérica, parecia desinteressada, ou tinha uma infecção vaginal que não sabia, diz ela.

Uma abordagem: Leve a ação até o chuveiro para que ele possa se sentir confiante em relação à limpeza e frescura. Uma vez que esse obstáculo é vencido, ele poderá se sentir menos relutante. Caso contrário, ele pode precisar de terapia, diz Cooper.

5. Seja o seu GPS

Veja algumas dicas para guiar o seu parceiro e mostrar o que você realmente quer.

  1. Tente o “fazendo de conta”: Pegue a mão dele quando ele estiver descendo para lhe fazer sexo oral e lamba, beije e chupe a pele e ponta dos dedos, mostrandocomo você gostaria que ele fizesse em você;
  2. Faça algum barulho: Uii, Ooh, Ahh pode ser uma maneira de demonstrar aprovação quando ele fizer algo que você goste, e se acalmar pode demonstrar que ele está desviando o rumo. Ajude-o a ir mais rápido ou mais lento, ajustando os seus ruídos ou o movimento de uma forma que corresponda ao seu ritmo, ao o que você gosta;
  3. Leve-o adiante: Aqueça as coisas usando os seus dedos para mostrar o rumo que ele deve seguir. Você irá apontar o caminho: Qualquer lugar que seus dedos vão, a boca dele devirá ir.

Seguindo essas dicas, provavelmente você terá muito mais sexo oral!


Você acha que seu parceiro pode começar a te dar um pouco mais de prazer oral se você utilizar uma dessas dicas? Gostaria de receber oral mais frequentemente? Comente abaixo.

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (5 votos, média: 4,00 de 5)
Loading...

RECOMENDADOS PARA VOCÊ

3 comentários

  1. Gabriel Devon Gadestracto

    Olá Sexóloga Karina! Estudo Sexologia pela web e estou terminando um livro onde tem muitas das suas dicas e do Sexólogo Jorge Alburquerque. Vou enviá-lo pra ti para que possas analisar.
    Espero que gostes. Sou muito teu fã e desse site.

  2. Meu Marido não gosta muito de fazer Sexo Oral em mim porém me cuido muito sou muito higiênica mas não sei o por que dele não gostar de fazer em mim sendo que sempre faço nele …
    Na verdade nem “sempre” transamos só transamos quando eleaente vontade e pra mim o sexo é muito importante pois faz parte de um casamento certo ?
    Ele já deixou de transar comigo pra ficar no Vídeo Game …
    Poxa me sinto como Se não fosse desejada pelo meu marido ?
    Será que eu não faço da forma que ele gosta?
    Porém sempre pergunto se estou fazendo da maneira que ele goste ele sempre diz que sim .

  3. Karine, seu problema é muito parecido com o da minha esposa e certamente os motivos que levam seu esposo a este comportamento tb sejam parecidos com os meus. Para não ficar longo vou resumir ao máximo, mas minha resposta não define exatamente o X da questão, apenas expõe pontos comportamentais masculinos semelhantes. Eu adoro fazer sexo oral na minha esposa e mais ainda receber e ela tb curte muito fazer e receber, porém, é muito difícil eu fazer oral nela devido ao cansaço, preguiça, situação que envolve menstruação e mais importante ainda a frequência com que fazemos sexo, ou seja, quanto mais eu faço menos estímulos eu tenho, quanto menos eu faço mais estímulo, desejos e fantasias eu tenho, inclusive promíscuos . Entende? Sou extremamente apaixonado por minha esposa, mas minha dívida relativa ao sexo oral é grande. Ela já me pediu muitas vezes e eu neguei mesmo desejando, porém, de vez em quando encontro forças p/ vencer a preguiça, principalmente se eu ficar por longos períodos sem sexo aí o meu desejo se intensifica e por consequência dou uma geral de qualidade na minha querida e merecida esposa principalmente no ORAL… rsss, bem diferente de não sentir amor e atração. Ñ seria essas as mesmas causas entre vc e seu esposo?

Deixe uma resposta

Seu email não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados *

*