Mulher tapando a calcinha

Como Sua Alimentação Pode Afetar Sua Vagina

Sempre que você come algo muito condimentado e vai ao banheiro – seja para fazer xixi ou o número 2 – tem um cheiro digamos, engraçado? Bom, essa é uma maneira de se pensar a respeito da famosa frase “você é o que você come”. E isso para as mulheres é algo bastante importante.

Vaginas saudáveis têm um pH naturalmente ácido, bem como uma série de bactérias saudáveis que evitam infecções e mantêm tudo funcionando a todo vapor, diz Mary Rosser, M.D, Ph.D., e obstetra do Centro Médico Montefiore, em Nova York, Estados Unidos.

Mas os alimentos que você come podem influenciar o pH, mudando a forma de como as suas regiões inferiores cheiram e inclusive o seu sabor.

“Por exemplo, especiarias, cebola, alho, carne vermelha, laticínios, aspargos, brócolis e bebidas alcoólicas podem afetar o seu equilíbrio natural, enquanto os frutas e sucos de frutas podem mudar as coisas, deixando-as especialmente doces” diz a Dra. Ross.

Mas seja qual for o efeito, ele só irá durar cerca de dois a três dias após ingerir o alimento.

Sendo assim, quando se trata de comer por dois (neste caso por você e por sua vagina), ela sugere que a mulher coma bastante frutas frescas, legumes, grãos integrais e beba muita água.

Se você gosta de iogurte grego, ainda melhor. “Iogurte com culturas vivas e ativas são probióticos e podem ajudar a manter o pH da vagina saudável e equilibrado”, diz ela.

E finalmente você pode querer cortar o açúcar por amor à sua vagina: mulheres com índice elevado de açúcar no sangue devido à diabetes correm maior risco de ter infecções fúngicas, diz Ross.

Por isso, se você quer ter uma vagina saudável, cheirosa e literalmente “gostosa”, é melhor prestar atenção nos alimentos que está ingerindo.


Você já sentiu esse estranho efeito que os alimentos podem trazer ao seu corpo? Procura evitar alimentos que tragam o odor indesejado? Comente abaixo!

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (6 votos, média: 4,83 de 5)
Loading...

RECOMENDADOS PARA VOCÊ

VÍDEOS RELACIONADOS


publicidade

Deixe uma resposta

Seu email não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados *

*