Casal Brigado

Como Lidar Com um Homem em Crise da Meia Idade

Você sabe que seu homem está passando pela crise da meia idade quando ele começa a questionar decisões do passado e a experienciar desejos de fazer mudanças impulsivas e drásticas. Contanto que o comportamento seja limitado a aprender coisas novas, ou a explorar diferentes aspectos de si mesmo, pode ser relativamente inofensivo.

  Continua Depois da Publicidade  

Entretanto, se a crise levá-o a extremos de comportamento, nas vidas profissional e pessoal, pode haver problemas, não apenas para ele, mas também para as pessoas associadas de modo próximo a ele, como você. Aqui vão alguns exemplos de como lidar com um homem passando pela crise da meia idade e sair relativamente sem marcas.

Introduza pequenas mudanças

Uma das características que definem as pessoas que passam pela crise da meia idade é sua ânsia por mudanças, só pelas mudanças. Você pode notar seu parceiro se sentindo estranhamente intranquilo e acreditando que nada na vida importa mais. Por exemplo, a promoção pela qual ele vinha trabalhando, pode repentinamente não mais parecer valer o esforço. Ele pode se sentir cansado dos interesses, os quais veio, zelosamente, perseguindo anteriormente, como música ou esportes.

Psicólogos acreditam que, muito frequentemente, tais sinais são ignorados ou até mesmo negados pelos seus parceiros, na esperança de que desapareçam. Mas isso na verdade meramente adia o inevitável e, se forem escondidos por muito tempo, podem cobrar custos altos da vida e das relações. Se você vê seu marido com esse desassossego, preste atenção a ele e ouça, verdadeiramente, às suas preocupações quando ele fala sobre elas. Também encoraje-o a fazer pequenas mudanças em sua na vida, como experimentar novos pratos ou iniciar um novo hobby. Isso pode satisfazer o desejo dele por novidades, sem chegar devastando sua vida.

  Continua Depois da Publicidade  

Diga você está do lado dele

Se seu homem está passando pela crise da meia idade, ele provavelmente vai achar defeitos em tudo e em todos à sua volta, incluindo você. Ele vai querer continuar parecendo forte e equilibrado, apesar de estar em seu momento mais frágil. Nesses momentos, ele pode rejeitar suas tentativas de conversar sobre isso, apesar de que, mais do que qualquer coisa, ele necessita ser compreendido.

Portanto, diga a ele que você está ao lado dele, quando ele quiser, para conversar sobre o que ele está passando. Ofereça ajuda, se ele quiser, e venha com sugestões concretas se ele pedir sua orientação. Mas ao mesmo tempo, dê espaço para que ele encontre suas próprias respostas. Afinal, essa crise é dele, e é ele quem deve achar seu caminho.

Reinvente seu relacionamento

O desejo de explorar novos horizontes nos homens que estão passando pela crise da meia idade pode se expressar na forma desagradável de aventuras sexuais extraconjugais. Conforme se aproximam da meia idade, eles começam a ter consciência de sua mortalidade e sentem, profundamente, a perda da juventude. Isso os tenta a terem casos, de modo a reafirmarem sua masculinidade, em franca desaceleração.

Durante esta fase, mais do que nunca, você necessita de um casamento resistente a traições. Fique perto de seu homem e comunique-se com ele, de modo a que esteja a par das mudanças pelas quais ele está passando, e das ações que ele pode estar tomando em função dessas mudanças de vida. Ao mesmo tempo, façam algo novo, juntos, para que o casamento não pareça sem graça ou previsível para seu marido. Tirem férias e vão para um lugar para onde nunca foram. Ou, se não for possível saírem, escolham juntos um hobby que agrade a ambos, para seguirem.

[sc:artigos_relacionados]

Cuide de você

Se seu homem está passando por uma crise da meia idade, ele pode virar uma pessoa totalmente diferente da pessoa com quem você se casou. Ele pode ficar irritado e com raiva de tudo à sua volta. Ele, até mesmo, pode culpar você por prendê-lo à família e às responsabilidades.

  Continua Depois da Publicidade  

Nesses momentos, lembre-se sempre que nada disso é culpa sua. Retire-se da esfera de sua angústia, quando percebe que seu homem está se comportando assim. Continue a cuidar da sua saúde física e emocional. Lembre-se que seu relacionamento não é o único aspecto de sua vida e que há muitas outras coisas que lhe dão orgulho e prazer. Mesmo que seu parceiro se envolva em um caso extraconjugal, nunca se culpe por isso. Sempre tenha em mente que foi ele quem decidiu quebrar os votos de matrimônio, não importando a causa. 

Prepare-se para mudanças no relacionamento sexual

Mudanças repentinas e significativas em seu relacionamento sexual são um importante aspecto da crise da meia idade. Normalmente, os homens começam a demonstrar falta de interesse em suas parceiras. A razão disso pode ter dois aspectos – primeiro, seu homem está lutando com alterações físicas, como rebaixamento dos níveis de testosterona; e segundo, ele pode estar se sentindo mais estressado e ansioso do que antes.

Continue a ser paciente com ele e contente-se em apenas estar perto dele, sem a pressão de terem sexo. Por outro lado, a diminuição da intimidade com a esposa pode indicar que seu marido está envolvido em um caso, o que pode levar o casal a ter que ir buscar uma terapia para superarem essa crise. 

  Continua Depois da Publicidade  

Seja positiva perto dele

Um comportamento clássico nos homens que passam pela crise da meia idade é a saudade excessiva do passado e questionamento de decisões que tomou. Contanto que as reminiscências de seu marido sejam acerca de seus amigos de escola e dos bons tempos que passou com seus amigos, esse exercício pode ser bastante inofensivo. Por outro lado, essa nostalgia pode gerar dificuldades se levar a começar a procurar suas antigas namoradas.

Em tal situação, não fique com raiva, nem acuse seu marido de usar fantasias para escapar das realidades da vida. Gentilmente, mostre a ele a família maravilhosa que ele tem e a carreira de sucesso que ele criou para ele mesmo. Aponte o prestígio social e profissional que o agrada e como os mais novos se espelham nele.

Busque ajuda profissional

Se apesar de sua paciência e abordagem positiva, você se sentir incapaz de lidar com o desalento de seu marido e suas mudanças de humor, pode ser necessário buscar ajuda profissional. Algumas vezes os efeitos da crise da meia idade são exacerbados por difíceis mudanças na vida. Se seu marido já estiver se sentindo infeliz e intranquilo com a vida já há algum tempo, e tiver que lidar com a perda de um membro da família ou com a perda de seu trabalho, isso pode levá-lo à depressão. Em tal situação, é imperativo que busque orientações profissionais que, não apenas irão ajudar seu marido a fazer um ajuste de contas com sua crise, mas também ajudar você e sua família a lidarem com a situação.

O que faz com que seja difícil lidar com um homem passando pela crise da meia idade é que, quanto mais séria seja a crise, muito provavelmente ele vai se recusar a aceitar sua ajuda e vai, até mesmo, negar o fato de que precisa dessa ajuda. Nesses momentos, você deve lembrar a si mesma – e a ele – que os dois estão do mesmo lado. Diga que você o ama, mas que, ao mesmo tempo, não vai desistir de sua própria felicidade e bem estar.
[sc:poder-na-conquista-depois-artigo]

O seu marido parece estar passando pela crise da meia idade? Quais são os sintomas que te fizeram perceber isso? O que vocês já têm feito para superá-la? Comente abaixo.

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (11 votos, média 4,27)
Loading...
  Continua Depois da Publicidade  

8 Comentários

  1. Meu esposo entrou com os dois pés nessa crise assim que fez 40 anos.
    Está desempregado, sem rumo profissional e simplesmente chegou em mim, de um hora para outra, e disse, dias depois de fazer 40 anos, que o casamento estava ruim, que EU era a culpada de tudo, porque EU não lhe dava atenção etc e etc e que por isso estava pensando muito numa ex namorada, inclusive pensando em ser feliz com ela.
    Alguns dias depois disse que sabia que o melhor era tentarmos restaurar nosso casamento mas ele não queria e agora ele só quer fazer o que tem vontade. Simples assim.
    Depois de cerca de 45 dias dias de altos e baixos emocionais resolvi me afastar dele pois ele disse que queria isso e estamos morando na mesma casa mas sem nenhum contato físico e/ou visual.
    Não está nada fácil pois meu mundo caiu de um minuto para o outro…
    Estou dando um tempo e me recompondo para dar entrada na separação/divórcio.
    Alguma dica?

  2. Tenho 38 anos e estou com essa crise, na verdade eu to loco por mulheres mais novas, to dando perdido na minha esposa todo fim de semana pra pegar as gatinha mais novas kkkkk, conselho pra quem esta com essa crise, curta o máximo realize seus desejos enquanto ainda ha tempo……. pois A VIDA E CURTA! se vc morrer amanha todo mundo vai dizer coitadinho do fulano e você não curtiu porra nenhuma a vida…

  3. Eu tenho 42 anos e meu marido 45. A 5 anos atrás meu marido se desinteressou completamente. As vezes passávamos um mês inteiro sem sexo. Desconfiei que ele poderia ter outra mulher, mas não era. Minhas amigas mais velhas me disseram que é a crise da meia idade e que todo homem fica assim esquisito. E todas me disseram que estava na hora de dar uma apimentada no sexo, fazendo aquilo que ele gosta mais. Conversei com ele que me disse que gostava muito de sexo oral – fiz e pela primeira vez fui até o fim. Ele gemia e delirava com tanto prazer que eu não poderia parar ne meio. Aquele dia realmente marcou nossas vidas, ele passou a querer sexo todos os dias e, é claro que passei a fazer sexo oral nele todos os dias. Bom, comigo deu certo e estou adorando!!!

    • É bem assim que estou me sentindo. Acho q minha esposa não percebeu e eu é q não vou dizer à ela. Estou com 39 me sentindo velho. Parece q tenho pouco tempo para fazer muitas coisas q ainda não fiz.
      O que eu queria com tanto afinco, já não quero mais. Meus desejos mudam como mudar de roupa. Acho que ainda nem superei a crise dos 30 e já chegou mais uma. A vida inteira da gente é passar por crises. Estou superando bem. Estou correndo para perder os pneuzinhos ridículos q tenho há anos e passando um pozinho mágico no cabelo que faz eu parecer 10 anos mais jovem. Enfim, estou me sentindo melhor do que muito jovenzinho de 20.

      • Olá,
        Tudo bem?
        Sua crise já passou. Se sim, demorou quanto tempo?

        • Oi Flor! Acredito que hoje estou bem melhor do que estava há três anos, quando postei a mensagem. Estou num momento muito bom, me cuidando, vou fazer transplante capilar… Auto-estima é tudo. Ainda me sinto melhor hoje do que quando tinha 20. Acho minha esposa tão maravilhosa quanto era há vinte anos. Tenho uma filha linda p observar a crescer… Estou ansioso pela crise dos 50 rs.

  4. Eu tenho achado o meu marido muito ansioso, com o pavio curto. E ao mesmo tempo ele esta sem muita vontade de fazer sexo… estranho!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

×