Homem traindo

9 Razões Para Você Não Voltar Com um Homem que te Traiu

Se o rompimento de um relacionamento já é algo geralmente doloroso, quando a razão da separação é porque houve uma traição, essa dor é ainda maior. Como entender que aquela pessoa que você ama e confiava, que prometeu estar ao seu lado e somente ao seu lado, resolveu voltar atrás no que disse e se envolveu com outra mulher?

E a situação pode se agravar mais quando o traidor em questão se arrepende – ou afirma ter se arrependido – e pede para reatar a relação. Por mais que para quem está do lado de fora seja simples dizer que a pessoa que apenas pensa em voltar já é boba, para a mulher que passou pelo problema e ainda tem sentimentos pelo ex, a decisão não é tão fácil assim.

Por outro lado, abrir o coração que já foi ferido e reatar o romance com um ex que se envolveu com outra mulher nem sempre é uma decisão das mais sábias. É claro que isso deve ser uma escolha pessoal, e que em alguns casos pode sim dar certo, mas isso não significa que ela não envolva riscos.

Assim, para não dizer que ninguém nunca avisou sobre eles, apresentamos abaixo algumas razões por que alguém não deveria voltar com um homem que a traiu.

1. O relacionamento nunca mais será o mesmo

A partir do momento que uma infidelidade é descoberta, uma das principais bases de um relacionamento, que é a confiança, é perdida. E para reconstruí-la não é nada fácil, não é algo que acontece da noite para o dia.

Assim, ao voltar a namorar ou retomar o casamento com uma pessoa que te traiu, não dá para esperar que a relação seja a mesma de antes. Toda a dinâmica do relacionamento será inevitavelmente modificada. Se antes a mulher não se importava quando o homem dizia que iria trabalhar até tarde ou quando ele era simpático com outra mulher, depois que uma coisa dessas acontece, fica muito difícil que uma pulguinha atrás da orelha não apareça.

2. Não dá para garantir que ele tenha mudado

Mesmo que o cara se mostre super arrependido, prometa ter mudado e que nunca mais cometerá uma traição dessas, como garantir que ele está falando a verdade e que quando as coisas apertarem de novo ele não vá errar novamente?

Se ele fez isso uma vez, ele abriu a porta para uma possibilidade que não deveria nem ao menos ter sido cogitada.

Pior ainda se ele quiser colocar a culpa disso na mulher, por conta de alguma coisa que não o agradava no relacionamento. No final das contas, a decisão de procurar outra foi dele, enquanto ele poderia muito bem ter escolhido ser honesto com a companheira a respeito do que não o deixava feliz e até mesmo ter terminado tudo, antes de sair com uma terceira pessoa.

3. Ser valorizada pelo parceiro

Convenhamos, quem não quer estar ao lado de uma pessoa que não apenas afirme amar e apreciar, mas que realmente valorize a ponto de resistir a tentação de estar com outra mulher – por mais atraente e sedutora que ela seja – e escolha ser honesto e resolver os problemas do relacionamento antes de cometer a burrada de trair?

Pois bem, vamos encarar os fatos: quem valoriza e ama de verdade a mulher que tem ao lado, não vai traí-la com outra, nem que seja a Angelina Jolie.

4. Cadê o respeito?

Isso até não se aplica a todos os homens, mas pode ser especialmente verdade para aqueles que nunca demonstraram muito respeito pela companheira. A partir do momento que ele é aceito de volta após ser pego em uma traição, pode colocar na cabeça que se fizer aquilo de novo, a mulher o aceitará de volta da mesma maneira.

Para esse tipo de homem, por mais que a mulher grite e fique brava com ele, o fato dela escolher permanecer do lado deles mesmo depois dele ter ficado com outra, sugere que não há problema em fazer isso. Então, o que foi um ato corajoso de amor e perdão por parte da mulher, pode abrir brecha para mais desrespeito ainda vindo desse homem.

5. Você dará um mau exemplo

Muitas mulheres adultas servem como exemplos para as mais jovens, sejam elas amigas, alunas, sobrinhas ou até mesmo filhas. E por mais que ao tomar uma decisão do tipo seja essencial pensar primeiramente em si mesma, não dá para negar que é uma escolha que afetará as pessoas de sua convivência.

Dessa maneira, ao aceitar a traição do parceiro, uma mulher pode transmitir, mesmo sem querer, que é certo permanecer em um relacionamento em que houve desrespeito e que os homens podem trair.

6. Estar em constante desconfiança

Mesmo que o cara esteja sendo sincero, tenha se arrependido e nunca mais vá trair a mulher, como evitar que ela não desconfie dele depois do que ele fez? Como ela poderá ter certeza que o encontro entre amigos é realmente somente entre amigos, que a reunião de trabalho é estritamente profissional e que ele não vai poder sair com ela no final de semana porque de fato precisa estudar para uma prova da faculdade?

Essa preocupação é uma reação normal de alguém que sofreu uma decepção que não deseja sofrer novamente. E a não ser que o homem consiga provar a ela de todos os modos que mudou e fazer com que ela se sinta segura, será muito complicado mandar esse sentimento embora. E se isso não puder acontecer, será que vale a pena mesmo permanecer ao lado de uma pessoa que traz tamanha insegurança?

7. Será que ele ama de verdade?

Desculpas do tipo “Isso simplesmente aconteceu” ou “Eu não estava feliz com o relacionamento” demonstram que o traidor não se importava com a sua parceira. E se ele não se importava, será que a ama de verdade? Até porque, amor é ação.

Se ele diz que o caso apenas aconteceu, mostra que sua atenção não estava voltada para a sua companheira. Ora, se estivesse, não teria razão para olhar para outra mulher. E mesmo se olhasse, pensaria duas vezes em machucá-la dessa maneira. Se não por amor, ao menos por respeito.

Já quem afirma que traiu porque não estava feliz com a relação, além de dar a entender que a ação foi premeditada, também traz a impressão que se importava somente com a própria felicidade. É assim: ele não estava bem no momento, então se deu o direito de estar com outra pessoa, mesmo sabendo que isso machucaria os sentimentos de sua parceira. Se ele amasse a mulher de verdade, não seria mais simples sentar e conversar com ela sobre o que o incomodava no relacionamento dos dois?

8. Quem garante que as mentiras não continuarão?

A traição inevitavelmente traz mentiras dentro de seu pacote. Mesmo que o próprio homem tenha confessado o que fez, é fato que em um dado momento da relação ele enganou a sua parceira e se relacionou com outra.

E algo que não se pode negar é que ele é capaz de mentir. E por mais que ele realmente não traia novamente, poderá mentir sobre outros assuntos importantes na vida de um casal, o que certamente trará mais estresse e dor ao relacionamento.

9. Desentendimentos com a família e os amigos

Como nós já dissemos aqui, a decisão de voltar ou não é da mulher, mas isso afetará as pessoas que estão ao redor dela. Ao descobrir da infidelidade do homem, é bem provável que os familiares e amigos dela não fiquem nem um pouco satisfeitos com a atitude dele e a aconselhem e colocar um final no relacionamento.

Quando ela não faz isso e continua com o companheiro traidor, a convivência entre ele e as pessoas que estão próximas a ela será bastante complicada. Isso é natural, afinal eles se importam com ela e não querem vê-la sofrendo.

Então, além de reconquistar a confiança da parceira, o homem precisará se esforçar para reconquistar também a confiança de seus amigos e parentes, além de ter que aguentar algumas broncas e puxões de orelha que poderão surgir pelo caminho.

Então, não se deve voltar com um traidor de jeito nenhum?

Nunca é uma palavra muito forte. Nós não somos Deus, nem psicólogos e nem conhecemos as histórias de todos os casais do mundo, então não podemos bater o martelo e afirmar: nunca reate com um homem que te traiu.

No entanto, nossa intenção foi alertar sobre os perigos que envolvem essa decisão. Dizer sim a uma pessoa que se relacionou com outra é uma atitude ousada, corajosa e arriscada. Não há como ter certeza de que dará certo e existem muitas dificuldades que surgirão pelo caminho. Porém, é algo que apenas a pessoa que tem que fazer a escolha pode determinar, depois de refletir sobre o que passou e ouvir os conselhos que desejar.


Você já passou por uma situação de traição e pensou em perdoar o cara que fez isso? Se ainda não, já pensou como seria sua reação? Comente abaixo.

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (2 votos, média: 5,00 de 5)
Loading...

RECOMENDADOS PARA VOCÊ

2 comentários

  1. Lamentávelmente passei. E tudo que foi dito tem verdade é sentido.

  2. Pasee por una traición deprisa de 10 años de casamiento resolví perdonar por causa da min ha familia e filtros fresco sem país e foi multó difícil más o relaciona,entonces nO e,áis o mesmo. A confianza acabo u, .AOL temamais aquel a magia e admiración de antes.

Deixe uma resposta

Seu email não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados *

*