Pelos pubianos

6 Mitos Sobre Pelos Pubianos em que Você Deve Parar de Acreditar

Você conhece bem seus pelos pubianos?

Existem muitos mitos e rumores sobre os pelos pubianos, e isso acontece tanto em território masculino quanto feminino. Por isso, procuramos algumas respostas e constatações sobre mitos que você deve parar de acreditar para ser feliz e saudável com seus pelos – ou sem eles.

1. Pelos pubianos protegem contra DSTs

Realidade: Na verdade, acontece o contrário. Os pelos pubianos agem como um jardim de cultivo para bactérias. Não há dúvidas de que ter menos pelos pubianos é mais higiênico, pelo simples fato de que os próprios pelos fornecem bactérias.

Os pesquisadores ainda não estudaram especificamente os germes nos pelos pubianos, mas os estudos já mostraram quantidades alarmantes de bactérias em longas barbas nos homens, por exemplo.

Ainda assim, muitas mulheres assumem incorretamente que os pelos pubianos protegem de DSTs que resultam do contato pele a pele. Os pelos pubianos sozinhos não são suficientes para proteger contra doenças sexualmente transmissíveis, e na verdade, podem ajudar um vírus a prosperar.

2. Pelos pubianos fazem o sexo ser menos prazeroso

Realidade: Esse mito pode variar de mulher para mulher. Muitos pensam que o pelos pubianos levam a uma menor fricção entre os lençóis, deixando o sexo um pouco mais suave, uma vez que os pelos pubianos ajudam a almofadar e proteger a área. No entanto,, algumas mulheres preferem a presença dos pelos pubianos e sentem mais prazer com eles.

Na teoria, você pode conseguir uma estimulação mais direta sem os pelos pubianos, mas na prática, só você poderá dizer o que te agrada mais.

3. A cor dos seus pelos pubianos é a mesma do seu cabelo

Realidade: Na verdade, os pelos pubianos combinam, na maioria das vezes, com a cor da nossa sobrancelha, tendo apenas uma coloração um pouco mais clara. Combinar com o cabelo não é regra, mas sim, uma exceção. 

4. Muitos pelos pubianos podem desanimar seu parceiro

Realidade: Tecnicamente, isso depende do seu parceiro, mas há alguma evidência de que os pelos pubianos possam ser, na verdade, estimulantes, e isso porque eles estão cheios de feromônios.

As glândulas sebáceas, que estão presentes em locais com pelos, produzem algo como uma secreção inodora que se mistura com as bactérias que temos na pele e nos cabelos, e isso produz um odor chamado de feromônio.

Você terá um odor ou um cheiro a mais se você tiver pelos pubianos, e as pessoas que são mais sensíveis ao cheiro podem ser atraídas por isso.

5. Pelos pubianos nunca param de crescer

Realidade: Se você ainda acredita nesse mito, pode ficar tranquila. Os pelos pubianos param de crescer quando atingem um certo ponto. O comprimento em que os pelos param de crescem varia de pessoa para pessoa, mas geralmente isso acontece entre 1,2 e 5 centímetros.

Eventualmente, os pelos pubianos podem até tornar-se mais finos. Mas nós normalmente vemos isso depois que passamos pela menopausa e experimentamos algumas deficiências hormonais. A maioria das mulheres não só perde, pelos, mas eles ficarão ainda muito mais esparsos, muito mais finos e muito menos densos.

6. Se você tem uma pele sensível, você não deve se depilar

Realidade: Caso você tenha uma pela sensível, a única coisa que você precisa fazer é tomar alguns cuidados a mais, utilizando cremes de barbear, por exemplo, na hora de fazer a depilação com lâmina. Você pode considerar ainda a depilação com cera ou a laser.

O que é importante em não machucar a pele na hora da depilação, é que você irá evitar que as bactérias que naturalmente estão na região tenham uma entrada facilitada por eventuais machucados na sua pele, causando infecções.

publicidade

Você acreditava em algum desses mitos que listamos acima? Qual deles mais te surpreendeu em relação aos pelos pubianos? Comente abaixo!

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (1 votos, média: 5,00 de 5)
Loading...

RECOMENDADOS PARA VOCÊ

Deixe uma resposta

Seu email não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados *

*